As cenas mais traumatizantes dos games

As cenas mais traumatizantes dos games

Por Felipe Goldenboy | Editado por Bruna Penilhas | 27 de Novembro de 2021 às 21h00
Reprodução/Team Salvato/Skybound Games/EA

Você se lembra de alguma cena de videogame que lhe deixou traumatizado? O mundo dos games é repleto de momentos tensos e perturbadores — seja por mexerem com nosso psicológico ou por chocarem pela violência explícita.

Nessa lista, o Canaltech relembra as 10 cenas mais perturbadoras dos games. Lembra de algum outro momento que não apareceu por aqui? Compartilhe conosco através das redes sociais! Antes de continuar, atenção: os parágrafos a seguir contém spoilers! Leia por sua conta e risco.

10. Call of Duty: Modern Warfare 2 — No Russian

Além de traumatizante, essa é uma das cenas mais polêmicas dos games. Uma missão da campanha de Call of Duty: Modern Warfare 2, chamada “No Russian” (sem russos, em tradução livre) coloca o jogador como um agente infiltrado em um grupo terrorista. Eles entram em um aeroporto de Moscou, na Rússia, e atiram em todos os presentes — incluindo civis.

O game de 2009 não obriga o jogador a atirar nas pessoas; contudo, seus companheiros fazem isso por você. A missão foi tão mal recebida que se tornou opcional, e os jogadores podem ignorá-la se quiserem. Por conta desse trecho, o jogo também foi banido da Rússia.

Cena polêmica fez com que o jogo não fosse vendido na Rússia (Foto: Reprodução/Activision)

9. Silent Hill 2 — encontro com o Pyramid Head

Um dos inimigos mais icônicos da franquia Silent Hill é o Pyramid Head, um homem vestido de açougueiro que usa um capacete em formato triangular e uma lâmina gigantesca. O personagem fez sua primeira aparição em Silent Hill 2, em 2001 — e é jogável, inclusive, no game multiplayer Dead by Daylight.

Na cena, James entra em um quarto e encontra Pyramid Head violentando dois manequins com movimentos que remetem a atos sexuais. O inimigo persegue James durante o jogo todo, representando a culpa e o desejo de punição do protagonista por matar a própria esposa.

Pyramid Head: um dos personagens mais assustadores da franquia Silent Hill (Foto: Reprodução/Konami)

8. Quake 4 — Stroggification

Jogo de tiro em primeira pessoa (FPS), Quake 4, de 2005, continua a história da batalha entre os terráqueos e a raça alienígena Strogg, que possui uma tecnologia muito superior à nossa. No início do jogo, um grupo militar invade o planeta inimigo a fim de destruí-lo, e o protagonista, Matthew Kane, é capturado.

Depois disso, Matthew passa por um processo chamado “Stroggification”, ou seja, os aliens tentam transformá-lo em um deles. Os Strogg cortam membros de Matthew e os substituem por partes mecânicas, enquanto o jogador apenas assiste às mutilações. Por sorte, os colegas dele o encontram no meio do processo, e o protagonista se torna um elemento-chave da guerra.

Um dia de princesa em Quake 4 (Foto: Divulgação/Bethesda Softworks)

7. Life is Strange — morte de Kate

O primeiro Life is Strange, lançado em 2015, acompanha a estudante de fotografia Max, que consegue voltar no tempo. O jogo é repleto de escolhas que alteram os rumos da trama e, consequentemente, a vida dos personagens de diferentes formas.

Na história, uma das amigas de Max, Kate Marsh, é vítima de violência e abuso sexual. Com depressão, ela se isola dos colegas de escola. Em uma das cenas mais tensas do game, o jogador precisa impedir que Kate cometa suicídio. Várias ações e escolhas de diálogo ao longo do jogo poderão salvar ou não a personagem.

Jogador precisa fazer as escolhas corretas para salvar Kate (Foto: Reprodução/Square Enix)

6. Resident Evil Village — bebê

Uma das melhores partes — se não a melhor — de Resident Evil Village, lançamento de 2021, é a Casa Beneviento. No local, o protagonista Ethan Winters é perseguido por um bebê gigante por corredores completamente escuros. O jogador, sem armas, precisa resolver um quebra-cabeça para escapar do local — tudo isso com o bebê à espreita engatinhando e fazendo sons perturbadores.

Já dizia Michael Jackson em Billie Jean: "Ela diz que sou o cara, mas o garoto não é meu filho" 🎶 (Foto: Reprodução/CAPCOM)

5. Doki Doki Literature Club! — morte de Sayori

Doki Doki Literature Club!, de 2017, parece um jogo inofensivo graças aos seus visuais fofos. Porém, o game se revela extremamente sombrio e perturbador em seu decorrer, principalmente perto do fim. A virada ocorre quando o jogador encontra Sayori morta em seu quarto — uma cena tão chocante que apenas serve de escada para a bizarrice do game.

A cena fica ainda mais perturbadora quando você lembra que Monika, a presidente do clube, deu indícios de que sabia do ocorrido: “você meio que deixou ela com um nó na garganta, sabia?”, diz a personagem minutos antes de você encontrá-la. Para piorar, o game reinicia e simplesmente “deleta” Sayori da história, travando músicas, imagens e textos que remetem à personagem de maneira assustadora.

Não se deixe enganar pelo visual de anime (Foto: Divulgação/Team Salvato)

4. The Walking Dead — morte de Lee

Lee é o personagem principal da primeira temporada de The Walking Dead, um jogo episódico de escolhas lançado em 2012 que conta uma história inédita do universo pós-apocalíptico tomado por zumbis. Durante a jornada, Lee cria uma relação paterna com a garotinha Clementine.

No último episódio, o game decide acabar com nossa sanidade mental ao fazer com que Lee seja mordido por um zumbi. Clementine (ou seja, o jogador) tem duas opções: matar ou abandonar seu amigo.

Tadinha da Clementine 😭 (Foto: Reprodução/Skybound Games)

3. Heavy Rain — cena do dedo

Até onde você iria para salvar uma pessoa que ama? Essa é a premissa de Heavy Rain, game interativo de escolhas lançado em 2010 que coloca o jogador no papel de um pai, Ethan Mars, um homem frustrado em busca pelo filho raptado pelo Assassino do Origami.

Em certo momento, Ethan é colocado à prova: em até cinco minutos, ele precisa cortar um de seus dedos em frente a uma câmera. Ele pode usar vários itens dispostos no local, como uma serra, um alicate e mais. Junte isso à pressão imposta pela música, pelos pensamentos de Ethan, pelo som dos batimentos cardíacos e pelo apertar de botões e pronto: temos uma cena que testa os limites emocionais do jogador.

Ethan precisa tomar uma difícil decisão para conseguir uma pista de onde encontrar seu filho (Foto: Reprodução/Sony Computer Entertainment)

2. The Last of Us Part II — morte de Mel

A sequência do primeiro The Last of Us, lançada pela Naughty Dog em 2020, é perturbadora por si só; por isso, tivemos dificuldades de escolher apenas uma delas para figurar na lista. Além da morte trágica de Joel, que acontece bem em frente aos olhos de Ellie, há uma outra morte que embrulhou nossos estômagos: a de Mel, uma dos membros da WLF que estava grávida.

Na cena, Ellie e Mel têm uma disputa de força, e Ellie consegue se safar enfiando uma faca no pescoço dela. Instantes depois, ela revira o corpo, vê a barriga de grávida da personagem e acaba passando mal. Após ela sair do local, a câmera do jogo mostra o sangue de Mel escorrendo pelo chão.

Matar Mel, que está grávida, abala muito Ellie em sua jornada de vingança (Foto: Reprodução/PlayStation Studios)

1. Dead Space 2 — cena da agulha

Jogo de terror lançado em 2011, Dead Space 2 traz vários momentos incríveis (e horripilantes) para fãs do gênero. Um deles é a cena em que o protagonista Isaac Clarke precisa enfiar uma agulha em seu olho para extrair informações de seu cérebro. O jogador precisa guiar a agulha até a pupila de Isaac, que está preso e agonizando; se errar, o personagem morre de forma brutal.

Uma curiosidade é que até mesmo o diretor criativo do jogo, Wright Bagwell, tinha dificuldade de assistir à cena durante o desenvolvimento. Em entrevista ao site Polygon, ele disse:

“Todos os sustos, sangue, entranhas e tudo mais — você simplesmente se torna insensível após trabalhar nessas coisas por semanas. Essa [cena da agulha] é a única coisa que, até hoje, terei problemas para assistir. Eu pensei: ‘isso é ouro!’ [risos] Por isso, você sabe que a cena é ouro.”

“Cross my heart and hope to die, stick a needle in your eye” (Foto: Reprodução/EA)

Com informações: Polygon

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.