SpaceX pode levar primeira missão tripulada a Marte já em 2024

Por Danielle Cassita | 02 de Dezembro de 2020 às 12h40
SpaceX

Enquanto os humanos podem voltar para a Lua em 2024 com a NASA, as missões tripuladas com destino ao Planeta Vermelho podem não estar tão distantes quanto se pensava: na terça-feira (1º), Elon Musk, CEO da SpaceX, declarou durante uma entrevista que está “altamente confiante” de que a SpaceX vai poder levar pessoas com destino a Marte em 2026 — mas disse que isso poderá ocorrer em quatro anos “se tivermos sorte”.

Em outubro, Musk havia comentado que a SpaceX estava trabalhando firme para lançar a primeira missão não tripulada com destino ao planeta vizinho em 2024. Desta vez, a fala do CEO levanta a possibilidade de lançar um veículo não tripulado para o Planeta Vermelho em apenas dois anos — aqui, Musk se refere ao momento de maior proximidade entre a Terra e Marte, uma oportunidade favorável para lançamentos, que ocorre uma vez a cada 26 meses.

A versão final do veículo Starship irá contar com seis motores Raptor, enquanto o Super Heavy terá 30 deles(Imagem: Reprodução/SpaceX)

A fala ocorreu durante uma entrevista feita com Mathias Döpfner, CEO da empresa alemã Axel Springer SE, durante a cerimônia de honra para Musk, que venceu o prêmio Axel Springer deste ano. Segundo representantes da empresa, trata-se de uma premiação anual que é “fornecida a personalidades particularmente inovadoras, que se destacam, geram e mudam mercados, influenciam a cultura e, ao mesmo tempo, encaram a responsabilidade que têm para com a sociedade”. O prêmio já foi conferido a Jeff Bezos, CEO da Amazon e da Blue Origin, e Mark Zuckerberg, do Facebook.

Essas viagens para Marte serão feitas com o veículo Starship, lançado com o poderoso foguete Super Heavy. As duas naves são reutilizáveis: o Super Heavy será capaz de voltar para a Terra e irá pousar verticalmente após o lançamento. Já o Starship poderá realizar viagens de ida e volta da órbita da Terra para Marte diversas vezes, transportando uma grande quantidade de cargas e até 100 pessoas para o espaço. Para isso, a SpaceX segue testando protótipos do veículo, e o SN8 deverá ser o primeiro a alcançar a altitude de 15 km em um teste que poderá ser feito ainda nesta semana — seus antecessores SN5 e SN6 chegaram aos 150 m.

Os planos ambiciosos que o empresário tem para o Planeta Vermelho não são nada recentes: em 2018, Musk declarou que a SpaceX poderia construir uma base em Marte em 2028. Já em janeiro deste ano, ele detalhou como iria povoar o planeta com 1 milhão de pessoas até 2050. Para ele, estabelecer a presença humana em Marte é uma forma de garantir a continuidade da consciência como conhecemos para além do nosso planeta.

Fonte: Space.com

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.