Publicidade

Projeto Kuiper: Amazon vai lançar concorrente da Starlink em 2023

Por| 13 de Outubro de 2022 às 10h18

Link copiado!

Amazon
Amazon
Tudo sobre Amazon

Anunciado em 2019 e autorizado para lançamento em 2020, o Projeto Kuiper, da Amazon, parece que enfim tem previsão para lançar seus primeiros satélites de internet: o primeiro trimestre de 2023.

A empresa de Jeff Bezos fez um acordo com a United Launch Alliance (ULA) para que o lançamento ocorra na estreia do novo foguete Vulcan, que também levará ao espaço o lander lunar Peregrine, da Astrobotic. Neste lançamento inaugural do Kuiper, serão lançados apenas dois satélites em caráter de teste, chamados Kuipersat-1 e Kuipersat-2.

Continua após a publicidade

Assim como o lançamento do Projeto Kuiper, o voo inaugural do foguete Vulcan também está alguns anos atrasado. No caso do veículo lançador, a causa do atraso foram imprevistos com o projeto e testes do motor BE-4, desenvolvido pela Blue Origin — outra empresa de Jeff Bezos, por sinal. A ULA declarou, em comunicado, que espera que o veículo esteja finalizado e pronto para o lançamento já em novembro deste ano.

A ULA já tem contrato com a Amazon para fazer 47 lançamentos do Projeto Kuiper, sendo 38 deles com o foguete Vulcan. Porém, o Kuiper também conta com outras parceiras, como a Arianespace e a própria Blue Origin, que, juntas, lançarão 3.236 satélites de internet à órbita da Terra.

A ideia é criar uma constelação capaz de fornecer conexão de alta velocidade a todo o mundo, nos mesmos moldes dos satélites Starlink, da SpaceX — que já tem mais de 4 mil unidades em órbita. A internet Starlink já tem operação inicial acontecendo em todos os continentes do planeta, incluindo o Brasil, tendo chegado até mesmo a algumas escolas na Amazônia, bem como na Antártida. Recentemente, a Starlink foi eleita a provedora de internet via satélite mais rápida da América do Sul.

Fonte: ULA