Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Cometa que lembra nave Millenium Falcon volta a ter erupções

Por| Editado por Patricia Gnipper | 18 de Outubro de 2023 às 10h03

Link copiado!

Comet Chasers/Students do St Mary's Primary School Bridgend
Comet Chasers/Students do St Mary's Primary School Bridgend

O cometa criovulcânico 12P/Pons-Brooks, famoso pelo formato que lembra a nave Millennium Falcon, da franquia Star Wars, voltou a apresentar a estrutura peculiar. A silhueta, também comparada por fãs de ficção científica com outras espaçonaves famosas, aparece quando o cometa sofre erupções de gelo e gás.

Conhecido desde 1812, o cometa começou a apresentar seu comportamento raro, porém recorrente, em julho deste ano, quando um membro do observatório Harsona, na Hungria, descobriu que ele havia explodido. Com a notícia, os membros da Comet Chasers, uma iniciativa de educação e pesquisa de universidades do Reino Unido, registraram o objeto.

A explosão foi, na verdade, uma erupção de gelo e gás nos vulcões criogênicos do 12P. Os astrônomos calcularam que, naquela ocasião, o coma (a nuvem de poeira e gás que cerca o núcleo dos cometas) se expandiu em cerca de 230.000 km, sendo 7.000 vezes mais largo que o núcleo dele.

Continua após a publicidade

Com o interesse crescente no objeto, instituições como a Associação Astronômica Britânica (BAA) também passaram a monitorar o cometa. No dia 5 de outubro, os pesquisadores detectaram outro aumento de brilho em dezenas de vezes, até que outra grande explosão ocorreu. Nos dias seguintes, o coma do 12P se expandiu ainda mais e desenvolveu partes alongadas, lembrando o formato de chifres.

Já em 8 de outubro, um novo registro do Comet Chasers mostrou que a “Millennium Falcon” estava de volta, voando em direção ao Sistema Solar interno para completar sua órbita de 71 anos ao redor do Sol.

Em 21 de abril de 2024, este cometa fará sua aproximação máxima da Terra e pode se tornar visível a olho nu. Os observadores terão a chance de ver e fotografar um objeto que só retornará em 2095.

O que é um criovulcão?

Os criovulcões são um tipo de vulcão frio, com núcleo sólido de gelo, poeira e gás. No caso do 12P, cujo núcleo tem diâmetro estimado em 30 quilômetros, seu criomagma é formado por gelo, poeira e gás. Quando a radiação solar aquece esse núcleo, o gelo é vaporizado e aumenta a pressão dentro do vulcão, o que causa uma explosão.

Já o formato curioso do 12P pode ser devido a alguma irregularidade do núcleo do cometa, obstruindo parcialmente a saída dos gases e poeira durante a erupção. O processo é parecido com o que acontece quando usamos o dedo para dividir em dois o jato de uma mangueira.

Fonte: Via: Spaceweather.com