SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Eternos | Entenda as duas cenas pós-crédito do novo filme da Marvel

Por| Editado por Jones Oliveira | 02 de Novembro de 2021 às 21h00

Link copiado!

Divulgação/Marvel Studios
Divulgação/Marvel Studios

Atenção: o texto a seguir traz spoilers de Eternos. Leia por sua conta e risco!

Eternos chega aos cinemas nesta quinta-feira (4) rodeado de muita expectativa. Como todo filme do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês), o longa não é apenas a história dos heróis-deuses da editora, mas o início de um novo arco que vai se amarrar aos filmes que ainda estão por vir. Tanto que ele não tem apenas uma, mas duas cenas pós-créditos.

A própria diretora Chloé Zhao já tinha revelado isso antes da estreia, afirmando que as duas cenas seriam importantes para o que as histórias que ainda estariam por vir — o que serviu apenas para deixar todo mundo ainda mais empolgado. E quando uma dessas cenas vazou na internet, ficou mais do que claro o quanto ela não exagerou ao dizer isso.

Continua após a publicidade

Só que esses dois momentos podem não ser claros para todo mundo, até porque envolvem personagens que fazem parte da quarta divisão da Marvel — mas que podem render boas histórias no MCU, além de indicarem os rumores que a Fase 4 deve seguir.

Starfox, o príncipe de Titã

A primeira cena pós-crédito de Eternos é justamente a que vazou logo após a estreia mundial do filme. Trata-se da aparição de Starfox, o príncipe de Titã e ninguém menos do que o irmão de Thanos, vivido pelo ator e cantor Harry Styles.

Continua após a publicidade

Para entender a cena em questão, é preciso dar um breve spoiler dos últimos momentos do filme, que trazem Sersi (Gemma Chan), Kingo (Kumail Nanjiani) e Phastos (Brian Tyree Henry) sendo levados à presença do Celestial Arishem (David Kaye) e desaparecendo dos cosmos.

Diante disso, a cena pós-crédito mostra Druig (Barry Keoghan), Makkari (Lauren Ridloff) e Thena (Angelina Jolie) dentro da nave Domo viajando pelo espaço em busca de outros de sua raça. Eles aparecem tentando contatar Sersi e os demais, mas estranham o fato de que não conseguem localizá-los de maneira alguma, como se o trio tivesse desaparecido por completo. Assim, eles suspeitam que isso é obra do Celestial e decidem voltar para a Terra.

É nesse momento que os três eternos sentem uma presença dentro da Domo. Eles se armam para um possível batalha quando um portal se abre e surge uma pequena criatura visivelmente embriagada. Trata-se de Pip, o Troll, que aparece como uma espécie de arauto para o verdadeiro convidado: o príncipe de Titã, o conquistador do Planeta Mistério e aquele que venceu Dark Roger: Starfox, também conhecido como o eterno Eros, o irmão de Thanos.

Continua após a publicidade

O personagem então entra em cena e revela saber que Sersi, Phastos e Kingo desapareceram e que ele pode ajudar os demais a encontrá-los. É nesse momento que Starfox mostra ter a mesma esfera dourada que Ajak (Salma Hayak) e Sersi usavam para se comunicar com Arishem.

O Cavaleiro Negro e um visitante estranho

Já a segunda cena pós-crédito é menos reveladora, mas tem muito a dizer sobre como Eternos se conecta aos demais filmes do MCU. Ela começa com Dane Whitman (Kit Harrington) encarando uma caixa de madeira. Ele está visivelmente ansioso e na dúvida se segue com aquilo ou não. E, depois de andar em círculos algumas vezes e conversar sozinho sobre a real necessidade de fazer aquilo, ele abre o objeto e revela uma velha espada com uma lâmina embrulhada em um pedaço de pano.

Continua após a publicidade

Ao tentar encostar na arma, a câmera dá um close na lâmina e vemos que há uma espécie de magia reagindo à proximidade de sua mão. Contudo, pouco antes de ele tocar no metal, uma voz ao fundo pergunta a Whitman se ele tem certeza disso.

Inicialmente, muita gente acreditava que a voz npertencia ao Doutor Estranho (Benedict Cumberbacht). No entanto, a diretora Chloé Zhao confirmou que não é o Mago Supremo quem impede Whitman de tocar na lâmina, mas ninguém menos do que Blade, o vampiro da Marvel que será vivido pelo ator Mahershala Ali.

O que elas indicam sobre o futuro do MCU

Continua após a publicidade

Como a diretora já tinha antecipado, as duas cenas pós-crédito de Eternos deixam bem claro o quanto o filme é importante para o futuro do universo Marvel. No caso da cena envolvendo Whitman, isso fica mais do que óbvio graças a essa participação de Blade, o qual a gente já sabe que vai ganhar seu próprio filme no futuro e isso vai trazer um novo desdobramento para o MCU: os vampiros.

O que mais intriga nessa questão, porém, é como isso tudo vai se encaixar, já que o personagem de harington está muito mais relacionado a parte mística do universo Marvel do que dos bebedores de sangue. Nos quadrinhos, Dane Whitman é o herói Cavaleiro Negro, um personagem que luta de capa e espada empunhando justamente a Espada de Ébano. A arma chega a ser citada em determinado momento do filme, quando a Duende (Lia McHugh) pergunta a Thena (Angelina Jolie) se ela estava empunhando a lendária lâmina.

Nas HQs, a Espada de Ébano é uma arma capaz de cortar qualquer objeto, incluindo adamantium e vibranium, e também refletir qualquer tipo de magia, o que faz do herói um dos mais imbatíveis da Marvel. Contudo, a lâmina traz uma antiga maldição de que quanto mais ela for usada, mais ela passa a consumir de seu portador. Ou seja, quanto mais o Cavaleiro Negro age como um herói, mais ele caminha para ser corrompido.

Continua após a publicidade

Assim, o que a cena dá a entender é justamente que veremos Whitman assumir esse legado de sua família — algo que ele sugere várias vezes ao longo do filme —, mas isso não parece se encaixar na introdução de Blade.

Já em relação à cena pós-crédito envolvendo Starfox, a coisa fica um pouco mais nebulosa. O tom da conversa entre Eros e os demais eternos sugere que devemos vê-los em uma missão de resgate em uma eventual sequência, mas o Marvel Studios não comentou nada ainda sobre um possível Eternos 2— muito embora tenha deixado claro que o grupo vai retornar em algum momento.

É possível que essa história se desenvolva em algum outro filme, mas como eles estão no meio do espaço em busca de outros eternos, a lista de possíveis interações com esses personagens se torna bastante limitada. Sabemos que Thor está com os Guardiões da Galáxia desde o fim de Vingadores: Ultimato e eles seriam os únicos que poderiam cruzar o caminho do irmão de Thanos, além de terem seus filmes vindo aí nos próximos anos.

Continua após a publicidade

Ainda assim, a história de Starfox e os demais eternos parece estar isolada demais do que o Deus do Trovão e a turma de Peter Quill devem abordar. Assim, é muito provável que tenhamos notícias sobre uma sequência vindo aí para explorar esse personagem tão curioso que é Eros — e aproveitar a popularidade de Harry Styles.

Eternos entra em cartaz nos cinemas de todo o Brasil nesta quinta-feira (4); os ingressos já estão à venda — garanta o seu na Ingresso.com.