Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Carro da Xiaomi tem espera insana e fila para test-drive

Por| Editado por Jones Oliveira | 05 de Abril de 2024 às 16h54

Link copiado!

Divulgação/Xiaomi
Divulgação/Xiaomi
Tudo sobre Xiaomi

O SU7, carro elétrico que a Xiaomiapresentou ao mundo no final de dezembro, promete ser uma dor de cabeça enorme para Tesla, Porsche e demais representantes do segmento premium. Pelo menos se o hype inicial em torno do luxuoso sedan for mantido.

De acordo com a marca, o SU7, que já havia monopolizado as atenções do público ao ser exposto no estande da fabricante de eletrônicos durante o MWC 2024, em Barcelona, na Espanha, o número de pedidos na fase de pré-reserva está assustador.

A Xiaomi revelou que foram 88.998 pedidos somente nas primeiras 24 horas, e que o total de interessados na fase de pré-reserva já ultrapassou a casa dos 120 mil (provavelmente alguns milhares a mais enquanto essa matéria estava sendo produzida).

Continua após a publicidade

O sucesso estrondoso do carro elétrico da Xiaomi vem causando um efeito dominó e, de acordo com a GAIC, fabricante que produzirá o modelo, quem já confirmou a compra terá que esperar pelo menos 7 meses para colocar as mãos no novo rival do Porsche Taycan.

Xiaomi SU7 tem fila para test-drive

O barulho que o Xiaomi SU7 fez no mercado chinês é tão grande que até mesmo os interessados em fazer um test-drive do sedan tem precisado encarar filas intermináveis para ter o primeiro contato com o modelo.

A imprensa local tem dado enorme destaque ao carro elétrico, e certamente isso tem contribuído para o aumento do hype. Segundo a mídia, os clientes têm permanecido na fila até altas horas da madrugada, apenas para dar uma pequena voltinha ao volante do sedan.

Atrações para isso, na verdade, não faltam. O Xiaomi SU7 é um carro imponente, de 4,99 metros de comprimento, e recheado de potência e tecnologia. Além de uma tela com resolução 3K e o sistema operacional Hyper OS, o carro tem versões com até 673 cv de potência.

Além disso, o sistema de baterias promete ser um show à parte. Segundo a fabricante, o pacote de células é de 800V, isso proporciona carregamento de 220 km de autonomia em apenas 5 minutos e de 510 km em somente 15 minutos, mais rápido do que qualquer outro do mercado.

Continua após a publicidade

O preço? Na China, custa cerca de 216 mil yuans em sua versão mais simples, o equivalente a R$ 150 mil. Bora entrar na fila?