Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Review Porsche Taycan 4S | O Gran Turismo da vida real

Por| Editado por Jones Oliveira | 14 de Agosto de 2022 às 09h30

Link copiado!

Review Porsche Taycan 4S | O Gran Turismo da vida real
Review Porsche Taycan 4S | O Gran Turismo da vida real

A reportagem do Canaltech teve a oportunidade — ou melhor, a honra — de testar um dos melhores carros elétricos à venda no mercado brasileiro: o Porsche Taycan 4S. E mesmo se tratando da versão de entrada do superesportivo, a impressão não poderia ter sido melhor.

O modelo alemão consegue reunir em um só produto beleza, desempenho, esportividade e eficiência energética. Tudo isso aliado a um verdadeiro prazer em dirigir, proporcionado pelos dois motores elétricos, instalados um em cada eixo, pela transmissão de duas velocidades e pelo sistema de tração nas quatro rodas.

O carro elétrico mais vendido do Brasil no primeiro semestre de 2021 passou alguns dias sob a responsabilidade da reportagem do Canaltech, com direito a um dia inteiro no Circuito Panamericano (mas sobre isso falaremos em uma outra oportunidade). E o sentimento foi um só: puro prazer, como o encontrado nos melhores jogos de corrida de videogames, das franquias Forza Horizon ou Gran Turismo.

Continua após a publicidade

 

Conectividade e Segurança

O Porsche Taycan 4S dá ao condutor uma boa gama de itens de conectividade. O motorista pode, por exemplo, acertar a altura ideal da suspensão por meio de um botão no volante ou, então, na ótima central multimídia que equipa o esportivo.

Compatível com Apple CarPlay, com 4 saídas tipo USB-C (duas na frente e duas atrás), mas não com Android Auto, o modelo alemão também conta com GPS nativo (uma forma de aliviar a ausência da conexão com Android), e tem ainda a opção de simular o ronco de um carro esportivo, já que, como todo bom elétrico, ele é naturalmente silencioso.

No campo da segurança, o Taycan 4S, em sua versão de entrada, conta com 8 airbags, ISOFIX, assistência de frenagem e assistente de permanência em faixa, mas não dá ao motorista recursos como piloto automático adaptativo, oferecido como opcional, ao custo de R$ 8.044.

Continua após a publicidade

 

Conforto e Experiência de uso

Dirigir o Taycan 4S, na cidade e na estrada, foi uma experiência única, digna dos melhores jogos de corrida de videogame, como as franquias Gran Turismo ou Forza Horizon. A única diferença é que, na estrada ou na cidade, os demais “corredores” saem da frente quando o Porsche se aproxima, e não tentam “disputar posição” com o esportivo elétrico alemão.

Brincadeiras à parte, a sensação de dirigir um superesportivo elétrico é, incontestavelmente, única. Como todos os carros movidos com essa propulsão, ele oferece torque e potência imediatos. No caso do Taycan 4S em sua versão de entrada, a potência combinada dos dois motores, posicionados um em cada eixo, é de 435 cavalos, chegando a 530 cv no controle de largada.

Continua após a publicidade

O torque é igualmente brutal, do tipo que te faz grudar as costas no assento, tamanha a influência da força G ao cravar o pé no acelerador. Segundo a Porsche, os 65,3 kgfm de torque entregues ao motorista ajudam o carro a sair do zero absoluto aos 100 km/h em menos de 4 segundos. É de dar nó no estômago para quem não está acostumado.

 

O mais legal do Taycan 4S, no entanto, é que ele não precisa ter comportamento de superesportivo o tempo todo. O modelo tem ajustes eletrônicos, tanto de suspensão quanto do modo de condução, que permitem uma tocada suave ao motorista, que pode desfilar, literalmente, a bordo desta jóia sobre rodas e desfrutar os (muitos) olhares que o modelo alemão atrai por onde passa.

Continua após a publicidade

Pode parecer chover no molhado, mas também não há como deixar de citar o luxo e o conforto que completam o pacote do superesportivo 100% elétrico da Porsche. O Taycan 4S tem ajuste de profundidade e altura do volante, bancos que “abraçam” os ocupantes e também possuem ajuste elétrico, ar-condicionado de 4 zonas e muito mais. A vontade é sentar, ligar, acelerar e não parar nem para recarregar.

Design e Acabamento

Seremos obrigados, mais uma vez, a salientar o óbvio, pois o tópico em questão é o design do Porsche Taycan 4S. Afinal, o carro foi projetado para encantar, seduzir e conquistar, e faz isso à primeira vista, como gostam de dizer os românticos. Sem exageros, dá para dizer que é difícil não se apaixonar pelo modelo alemão após uma única olhada.

O design é tão impactante quanto as dimensões do Porsche, e as linhas são distribuídas harmoniosamente entre os 4,963 mm de comprimento, 1,966 mm de largura, 1,379 mm de altura e 2,900 mm de entre-eixos. A própria marca, ao falar do Taycan 4S, diz que o superesportivo elétrico “mantém o visual purista e desvenda novos caminhos com o design tradicional de um Porsche”.

Continua após a publicidade

A curva acentuada em queda do teto para o vidro traseiro, batizada pelos designers da marca de “flyline”, as laterais esculpidas com linhas fortes e aerodinamicamente pensadas, a coluna C recolhida e os para-lamas robustos são o casamento perfeito e não deixam dúvidas da origem do carro, que pode não ter gasolina nas veias, mas tem esportividade de sobra.

Outro ponto do design que faz do Taycan 4S algo de extrema beleza é o conjunto óptico frontal. As luzes diurnas e os faróis em LED se misturam com elementos tridimensionais e criam um visual marcante, com todas as funções de iluminação integradas em um módulo único pela primeira vez em um carro da marca.

O acabamento do Porsche Taycan 4S é igualmente impecável. O cliente pode escolher a tonalidade dos assentos e dos painéis, combinando Preto/Bege Giz, Amora, Bege Atacama e Castanho Meranti. Há ainda contrastes especiais para o interior disponíveis em pacottes de opcionais, nas cores Preto mate, Cinzento-escuro ou Champanhe, chamado pela marca de Neodímio. O acabamento das portas e consoles incluem os elementos decorativos em madeira, carbono mate, alumínio texturizado ou tecido.

Continua após a publicidade

Concorrentes

O superesportivo elétrico da Porsche tem concorrentes de peso em sua categoria. Os principais são o Lucid Air, primeiro carro da Lucid Motors, e que chega de 0 a 100 km/h em impressionantes 2,4 segundos, o Tesla Model S, da badalada montadora de Elon Musk, e o Audi RS e-Tron GT.

Continua após a publicidade

Dos três citados, o único à venda no Brasil é o da Audi, que assim como a Porsche também faz parte da “família Volkswagen”. Em termos de potência e desempenho, todos se equivalem, portanto a escolha por um destes modelos luxuosos, superesportivos e ecologicamente corretos, fica mesmo “ao gosto do freguês”.

Veredicto

Continua após a publicidade

Afinal de contas, o que interessa é o seguinte: Tenho pouco mais de R$ 600 mil na conta, condições de pagar os impostos e demais tributos anualmente e quero um carro elétrico. Vale a pena investir essa “pequena” fortuna no Porsche Taycan 4S?

Se você se encaixa na situação financeira acima e está esperando por uma resposta, a avaliação do Canaltech é simples e direta: Sim. O Taycan 4S é capaz de conquistar até mesmo os famosos gearheads, apelido dado aos apaixonados por carros turbinados e pelo ronco dos motores. Afinal, ele até simula isso ao simples toque de um botão…

 

Continua após a publicidade

O Porsche Taycan 4S avaliado para este conteúdo foi gentilmente cedido ao Canaltech pela Porsche Brasil.