SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

BYD Dolphin Plus e Diamond | Fenômeno de vendas ganha novas versões

Por| Editado por Jones Oliveira | 29 de Setembro de 2023 às 17h20

Link copiado!

Divulgação/BYD
Divulgação/BYD

O BYD Dolphin, carro elétrico que revolucionou o segmento no Brasil e obrigou as montadoras rivais a reduzirem os preços de seus modelos, vai ficar ainda mais forte na corrida rumo à liderança isolada em vendas no país.

A marca chinesa anunciou grandes novidades para o consumidor que “abraçou o golfinho” desde sua chegada em território verde-amarelo, no fim de junho. O Dolphin, agora, tem uma nova versão e uma cor inédita, incorporada à paleta por “inúmeros pedidos dos clientes”, segundo a BYD.

A nova variante recebeu o nome de Dolphin Plus, e vai oferecer maior potência, mais torque e conjunto de baterias superior, que dará ao hatch autonomia extra. A versão com a nova cor, por sua vez, foi chamada de Diamond.

Continua após a publicidade

Como é o BYD Dolphin Plus?

O BYD Dolphin Plus chega ao Brasil para brigar diretamente com o Ora 03 GT, carro elétrico compacto apresentado pela GWM durante o Festival Interlagos. O Dolphin Plus tem mais potência, mais autonomia e mais torque que a versão de entrada, além de um pacote de equipamentos mais completo, inclusive com recursos de assistência à direção.

Segundo o site oficial da marca, o Dolphin Plus tem 208cv de potência e 31,6 kgf/m de torque, além de um conjunto de baterias Blade de 60 kWh. As especificações são bem superiores às encontradas na versão de entrada, que tem motor de 95cv e 18,4 kgf/m de torque, e um conjunto de baterias de 44,9 kWh.

Continua após a publicidade

O upgrade no conjunto mecânico transformou o BYD em um carro mais esportivo. Agora, o hatch consegue acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 7 segundos, melhorando muito a marca em relação ao modelo de entrada, que alcança a mesma velocidade em 10,9 segundos. A velocidade máxima, porém, é a mesma: 160 km/h.

Segundo dados do site oficial da montadora, o BYD Dolphin Plus pode rodar 427 km por carga no ciclo WLTP, ainda sem aferição oficial do exigente PBEV do Inmetro.

O Dolphin Plus também tem novidades em termos de equipamentos e tecnologia embarcada. O hatch agora conta com ajuste elétrico nos bancos dianteiros, teto solar panorâmico, quatro opções de pintura bicolor, rodas aro 17 e itens de auxílio à condução, como ACC (controle de cruzeiro adaptativo), monitor de ponto cego, alerta de tráfego cruzado, monitor de pressão dos pneus e leitor de placas de trânsito.

Continua após a publicidade

Com tantas novidades, o preço também ficou mais caro. O BYD Dolphin Plus custa R$ 30 mil a mais que a variante de entrada, e começará a ser entregue na segunda quinzena de outubro a quem se dispuser a pagar R$ 179.800 pelo hatch elétrico chinês.

Como é o BYD Dophin Diamond?

Continua após a publicidade

A segunda nova versão do BYD Dolphin foi batizada de Diamond. A principal novidade desta variante é a cor. Segundo a marca, diversos clientes pediram a inclusão da cor preta na paleta de cores, e o desejo se tornou realidade.

O BYD Dolphin Diamond manteve as especificações de motorização e equipamentos da versão de entrada, alterando somente a cor da carroceria e dos acabamentos da cabine, que ficaram mais sóbrios, sem os detalhes em laranja nos bancos e nas saídas de ar-condicionado.

Segundo a BYD, as alterações na cor da carroceria e nos acabamentos deixaram o hatch com um visual mais elegante e sóbrio, e certamente ajudarão a impulsionar ainda mais as vendas. O preço da versão com a nova cor do BYD Dolphin é o mesmo da variante de entrada: R$ 149.800.