CarPlay: saiba mais detalhes sobre o sistema da Apple para carros

Por Redação | 21 de Abril de 2014 às 08h00
Divulgação
Tudo sobre

Apple

Sistemas de bordo em automóveis podem ser considerados serviços recentes na indústria automotiva. Tais programas tornam as viagens muito mais descontraídas, permitindo que condutores e passageiros aproveitem (com segurança, claro) o melhor de seus dispositivos móveis de dentro do carro. Uma das novidades no setor é o recém-anunciado CarPlay, uma versão modificada do sistema operacional iOS feita para veículos.

O CarPlay é um assistente de bordo criado para incorporar as funcionalidades do iPhone a veículos automotores. O usuário pode fazer ligações, escrever mensagens de texto, navegar na internet, ouvir músicas por aplicativos como Spotify e iHeartRadio, acessar agenda telefônica, podcasts e outras atividades por meio de um painel sensível ao toque ou utilizando comandos de voz pela Siri.

Falando na Siri, o site The Verge divulgou alguns detalhes de como vai funcionar a integração da assistente de voz com o automóvel. Basicamente, quase todas as funções feitas pelo motorista pelo CarPlay precisam ser ativadas utilizando a Siri, com a diferença de que não é preciso levar o smartphone próximo à boca ou depender de um microfone para falar.

Assista Agora: Saiba quais são os 5 maiores problemas das empresas brasileiras e comece 2019 em uma realidade completamente diferente.

Como já acontece nos carros atualmente, o motorista precisa conectar o cabo Lightning em uma entrada próxima ao painel, mas no futuro deverá ser possível fazer esse processo sem fios pelo Bluetooth ou Wi-Fi do celular. De acordo com a Apple, a integração com o aparelho vai facilitar a navegação por GPS e ajudar na busca de destinos pelo Apple Maps. Até o momento, o programa tem compatibilidade apenas com a versão iOS 7 instalada nos iPhone 5, 5S e 5C.

Outro diferencial é que o CarPlay vai funcionar de forma distinta em cada automóvel, e será de responsabilidade das fabricantes decidir as preferências para seus veículos. A Hyundai e a Mercedes, por exemplo, optaram por separar o sistema do resto do carro para que ele funcione como um aplicativo à parte ao motorista. Por outro lado, a Volvo incorporou a plataforma ao próprio sistema de bordo dos veículos, tornando o acesso ao software bem mais rápido.

Além disso, o CarPlay da Volvo e da Hyundai permite que os condutores controlem o sistema preferencialmente pela tela sensível ao toque, enquanto a Mercedez-Benz possui mais comandos físicos, como teclas e um botão giratório. O The Verge também cita que os sistemas em alguns carros são bem parecidos quando o assunto é entretenimento, pois todos oferecem serviços que já existem nos automóveis, como tocador de música, chamadas telefônicas e alguns aplicativos. A diferença é que tudo é bem mais acessível diretamente pela tela, sem ter o trabalho de visualizar os conteúdos por um smartphone.

CarPlay

Este é um exemplo de como será o CarPlay nos carros da Volvo. (Foto: The Verge)

Algumas montadoras de carros de luxo já haviam confirmado a inclusão do CarPlay em novos modelos, entre elas Hyundai, Volvo, Mercedez-Benz, Honda e Ferrari, que vão lançar veículos já equipados com a plataforma ainda este ano. Em seguida, o sistema deixará de ser tão limitado e chegará a mais 13 fabricantes nos próximos anos, incluindo BMW, Ford, General Motors, Kia, Mitsubishi, Nissan, Peugeot Citroën, Subaru, Suzuki e Toyota.

Mas e quanto a automóveis atuais ou mais antigos? Para tranquilizar os motoristas que já possuem carro, a Apple confirmou que o sistema CarPlay estará disponível para veículos que estão em circulação em "algum momento" posterior ao lançamento oficial, agendado para este ano. Como informa o CNET, as fabricantes de acessórios Alpine e Pioneer são as primeiras empresas que vão produzir o sistema separadamente. Não foram divulgadas informações como datas e preços.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.