Publicidade

YouTube Shorts já testa IA para gerar plano de fundo

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 04 de Junho de 2024 às 11h40

Link copiado!

Divulgação/YouTube
Divulgação/YouTube
Tudo sobre YouTube

O Google começou a testar um recurso que usa IA para gerar imagens e vídeos para serem colocados como plano de fundo nos Shorts do YouTube. Chamada de Dream Screen, a função exige apenas que o criador de conteúdo faça uma descrição do que deseja, que pode ser um show de heavy metal ou um parque de diversões bem elaborado (a criatividade é o limite), para receber o resultado sem demora.

Por enquanto, apenas o grupo experimental da ferramenta tem acesso à tecnologia, mas a Gigante de Buscas destaca que mais pessoas poderão usufruir da novidade até o fim do ano.

Floresta encantada ou hotel chique

Continua após a publicidade

O recurso vai ser encontrado na opção de tela verde do YouTube Shorts, mas como foi mencionado, apenas alguns testadores ganharam acesso à novidade. Além disso, o idioma inglês é o único que pode ser usado por enquanto, mas caso seja lançado para o público, mais línguas deverão ser adicionadas.

De acordo com o YouTube, há a possibilidade de criar inúmeros tipos de imagens e vídeos com a ferramenta.

“Se você quiser que o plano de fundo do seu próximo Shorts seja uma floresta encantada de flores do arco-íris ou uma piscina de hotel chique em uma ilha tropical, basta digitar esses comandos e observar sua imaginação ganhar vida”, destaca a empresa.

Vale lembrar que o Google anunciou a Dream Screen em setembro de 2023 — no Brasil, o recurso recebeu o nome de “Tela Fantástica”.

O Canaltech está no WhasApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Shorts prepara IA para gerar música

A plataforma começou a experimentar uma ferramenta para gerar músicas instrumentais de até 30 segundos que pode ser usada nos Shorts. O processo é similar à maioria dos usos de IA: basta digitar um prompt de comando com a descrição de como deseja a faixa e aguardar o chatbot fazer tudo para você.

O YouTube continua em sua trajetória para concorrer com o TikTok e o Reels do Instagram. Como o Shorts superou a marca de 50 bilhões de visualizações diárias em fevereiro do ano passado, é possível que o serviço esteja ainda melhor em 2024. Se quiser começar a produzir conteúdo com esta opção do YouTube, vale conferir algumas dicas e informações valiosas o quanto antes.