WhatsApp lança criptografia em backup de conversas na nuvem para todos

WhatsApp lança criptografia em backup de conversas na nuvem para todos

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 14 de Outubro de 2021 às 14h30
Reprodução/ HR Asia

O WhatsApp anunciou oficialmente a chegada do backup de criptografia de ponta a ponta para usuários do Google Drive (Android) ou iCloud (iOS) nesta quinta-feira (14). O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, fez o anúncio oficial em seu perfil na rede social e destacou o fato de o mensageiro oferecer uma camada extra de proteção para conversas, áudios, vídeos, fotos e documentos do aplicativo na nuvem.

Os dados do WhatsApp ficam armazenados nos celulares dos usuários e só podem ser acessados pelo remetente e destinatário dos chats. Apesar disso, as pessoas podem configurar o app para executar cópias de segurança de tudo em serviços de armazenamento para evitar que os conteúdos sejam perdidos ao trocar de aparelho.

O app de conversas terá mais uma solução para impedir acesso indevido a dados (Imagem: Divulgação/WhatsApp)

Será possível duas formas de proteção: com senha definida pelo proprietário ou com uma chave criptográfica de 64 dígitos que somente você terá acesso. A companhia reforça que nem mesmo o WhatsApp ou o provedor de serviços de backup conseguirão ler o conteúdo dos arquivos criptografados, portanto você precisará guardar a senha com muito carinho ou perderá o acesso aos dados para sempre.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Para criar um backup com criptografia de ponta a ponta, os usuários devem atualizar o aplicativo para a versão mais recente e realizar o caminho Configurações > Conversas > Backups de conversas para receber as instruções na tela.

Do experimento à implantação

Essa era uma novidade que estava em fase de testes nos últimos meses e começou a ser disponibilizada em caráter experimental para algumas pessoas no iOS desde a semana passada. Agora, essa adição chegará para os mais de dois bilhões de usuários — o que inclui quem acessa o app do Android — em todo o mundo a partir de hoje e de forma gradual.

A criptografia de ponta a ponta é considerado o trunfo do WhatsApp, pois impede que pessoas não autorizadas tenham acesso ao conteúdo das interações no aplicativo. Essa é uma funcionalidade automática que protege mais 100 bilhões de mensagens trocadas todos os dias na plataforma e tira o sono de autoridades, já que inviabiliza a quebra do sigilo do usuário.

Na segunda-feira, um vazamento revelou que o app começará a possibilitar ao usuário a escolha do que levar para o backup. Será possível incluir ou excluir arquivos específicos na sua próxima sincronização, como fotos, vídeos, áudios, documentos e outros tipos de mídia — o próprio app calculará quanto cada um vai ocupar de espaço para ajudar na decisão.

 

Fonte: Mark Zuckerberg  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.