Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Mosaic | A história do navegador que revolucionou a internet

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 09 de Outubro de 2023 às 10h00

Link copiado!

NCSA
NCSA

O Mosaic foi um dos primeiros navegadores para a internet e teve um papel fundamental no desenvolvimento da web. Ele foi responsável por apresentar vários recursos que hoje são comuns na internet, além de mostrar como a navegação podia ser mais acessível e agradável aos usuários.

Quando foi lançado, em 1993, as opções disponíveis eram pouco práticas e careciam de ferramentas para atrair um público amplo. Além disso, ele era mais fácil de instalar e rodava melhor nos computadores que a maioria das pessoas usava na época.

Quem criou o Mosaic?

Continua após a publicidade

O Mosaic foi criado por uma equipe de desenvolvedores liderada por Marc Andreessen e Eric Bina, da National Center for Supercomputing Applications (NCSA), na Universidade de Illinois em Urbana-Champaign, nos Estados Unidos.

A equipe começou a trabalhar no navegador em dezembro de 1992, após ter sido inspirada por uma demonstração do ViolaWWW — o primeiro a oferecer suporte a scripts e folhas de estilo.

Com o auxílio de um financiamento do governo, o grupo criou o Mosaic com novas ferramentas de navegação que mudaram para sempre a história da web. A versão inicial foi lançada para o sistema Unix em abril de 1993, enquanto as versões para Windows e Mac chegaram nos meses seguintes.

Por que o Mosaic revolucionou a internet?

O Mosaic foi o primeiro navegador a exibir imagens incorporadas ao texto e oferecer hiperlinks clicáveis para ir para outras páginas, além de incluir botões de navegação e salvar lista de favoritos.

Os navegadores anteriores ao Mosaic apresentavam ícones para fazer o download de imagens, que eram visualizadas através de aplicativos auxiliares. Já para abrir um link, os usuários tinham que copiar números de referência apresentados nos sites e digitá-los no campo de URL. Eles também não tinham recursos de navegação como rolagem e os botões "voltar", "avançar" ou "atualizar", agora padrões.

O "pai" do Netscape

Continua após a publicidade

Ainda no ano de 1993, Marc Andreessen saiu da NCSA para fundar a Mosaic Communications Corporation, empresa que logo foi rebatizada como Netscape. Em outubro de 1994, a nova companhia apresentou o seu navegador homônimo com melhorias significativas em relação ao Mosaic.

A popularidade do Netscape a partir de 1995 marcou o início do fim do navegador pioneiro da web. No final de 1997, o Mosaic já havia perdido a maior parte de sua base de usuários para concorrentes mais modernos e teve a sua última versão lançada naquele ano.

O Netscape deu continuidade ao legado do Mosaic e contribuiu para o “boom” da internet nos anos 1990. Ele teve um papel importante no aprimoramento de tecnologias para a web, como o JavaScript, a utilização de cookies e a aposta no uso de navegação em guias.

Após o Netscape perder espaço para concorrentes como o Internet Explorer da Microsoft, o seu código-fonte foi aberto ao público em 1998 e deu origem a outro clássico da internet: o Projeto Mozilla. Essa iniciativa aproveitou a base do Netscape para criar a sua versão de navegador em código aberto chamado Mozilla. Essa é a origem do atual Firefox, que também serviu e serve de base para o desenvolvimento de outros navegadores.

Continua após a publicidade

Para conhecer mais sobre a história da web, veja também qual é a origem do nome dos navegadores da internet.