Qual é a origem do nome dos navegadores de internet?

Por Ariane Velasco | 21 de Janeiro de 2020 às 16h00
Reprodução

Os navegadores de internet fazem parte de nossa rotina e são usados por uma quantidade enorme de pessoas todos os dias, seja para trabalhar, estudar ou simplesmente se divertir. O que muita gente talvez nunca tenha se perguntado, embora seja uma curiosidade interessante, é qual a origem do nome de cada uma dessas ferramentas tão indispensáveis para nossa vida. Conheça cada uma delas logo a seguir:

Origem do nome dos navegadores de Internet

Internet Explorer

Esse é, provavelmente, o navegador mais famoso e mais criticado da história da internet. Embora ele já não seja tão usado desde o surgimento do Microsoft Edge, a origem do nome Internet Explorer é bem interessante: ela data do ano de 1995, onde a internet era praticamente “tudo mato”, e muitos usuários corajosos ainda estavam desbravando todos os territórios desta tecnologia. É justamente daí que vem o nome “Explorer”, já que ele remete a “explorar”.

IE já foi aposentado e substituído pelo Edge / Imagem: Redação 

Google Chrome

Esse é um dos navegadores mais utilizados atualmente, mas a origem de seu nome não é tão óbvia quanto a do primeiro. Isso porque o termo “Chrome” teve origem na paixão por carros de um designer da Google, que ouviu a palavra e a associou instantaneamente a veículos velozes - uma maneira criativa de dizer que o navegador é rápido. Aparentemente, a ideia deu certo.

Chrome é o mais popular do momento / Imagem: Divulgação

Firefox

O navegador pertence a fundação Mozilla - cujo nome teve origem em um código interno da empresa. A princípio, o navegador tinha tudo para ser batizado como Phoenix, mas seu nome foi trocado devido a problemas com direitos autorais. A próxima opção era Firebird, mas o nome também não podia ser usado pelo mesmo motivo.

Foi então que a fundação decidiu intitular seu projeto de Firefox. Desde então, o panda vermelho (sim, o logo do Firefox não é uma raposa) não parou mais de fazer sucesso.

A origem do nome de cada navegador diz muito sobre sua funcionalidade / Captura de tela: Ariane Velasco

Safari

A origem do nome do navegador da Apple está em uma associação com as diferentes versões de sistema operacional adotado pelos desenvolvedores em cada modelo - como Lion, Tiger, Panther e Snow Leopard, todos animais. A partir disso, o nome Safari passou a ser visto como uma boa opção para definir uma ferramenta que podia lidar com todos esses bichos diferentes.

Safari é o navegador padrão do Mac / Imagem: Redação

Opera

Já, quando pensamos sobre a origem do nome Opera, nada próximo do óbvio vem à nossa mente, o que prova a criatividade dos desenvolvedores. Isso porque o termo ópera remete a algo erudita e de qualidade - o que era o ideal em mente dos desenvolvedores. Simples, não é mesmo?

Opera é o menos popular, usado por experts / Imagem: Divulgação

Microsoft Edge

A origem do nome do navegador substituto do Internet Explorer está no código usado para seu desenvolvimento: o EdgeHTML, que funcionou de 2014 até 2019. Em 2020, a Microsoft passou a usar o código-fonte Chromium, que resultou no mesmo mecanismo do Google Chrome, porém com alguns aprimoramentos.

Edge substituiu o Microsoft Internet Explorer / Imagem: Redação

E você, já conhecia algumas das origens dos nomes desses navegadores? Conte pra gente nos comentários.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.