Publicidade

Android 14 emite alertas ao atualizar apps fora da Play Store

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 01 de Fevereiro de 2024 às 09h40

Link copiado!

Árpád Czapp/IUnsplash
Árpád Czapp/IUnsplash

O Google Pixel, desde a estreia do Android 14, emite notificações ao atualizar apps instalados a partir de outras lojas além da Play Store. Agora, aplicativos dos demais desenvolvedores e celulares de outras marcas passaram a receber o mesmo alerta durante a instalação de updates.

A notificação é mais um contratempo ao instalar softwares por fora dos canais considerados oficiais, processo conhecido como sideloading, e está relacionada a uma nova API para declarar autoridade sobre as atualizações de apps específicos.

Continua após a publicidade

Atualização por outros canais

Inicialmente, o alerta era emitido apenas em dispositivos da família Pixel ao atualizar apps do Google em canais terceiros. Contudo, nos últimos dias, proprietários de celulares das demais fabricantes, como a Samsung, começaram a receber o alerta.

Em um dos casos conhecidos, o dono de um Galaxy S23 Ultra tentou atualizar o AccuWeather pelo instalador da loja APKMirror, mas foi interpelado pela notificação indicando que o aplicativo “normalmente” recebe atualizações pela Play Store.

“Ao atualizar de uma fonte diferente, você poderá receber atualizações futuras de qualquer fonte em seu telefone. As funcionalidades do aplicativo podem mudar”, diz o aviso. Depois, dois botões são oferecidos: “Cancelar” e “Atualizar mesmo assim” (em tradução livre).

Continua após a publicidade

Cenas do mesmo filme

Os processos intermediários para instalar ou atualizar apps por canais alternativos no Android não são novidades. Em outubro, por exemplo, o Google Play Protect passou a verificar e até bloquear apps maliciosos a fim de impedir a proliferação de malwares e outras ameaças no sistema.

Em parte, essas intervenções são importantes para evitar dores de cabeças com arquivos APK infestados de vírus, mas por outro lado, existe uma certa predisposição para dificultar o processo para concentrar as transações dentro do ecossistema Google Play.

Continua após a publicidade

O caso mais enigmático se concentra na saga da Epic Games, desenvolvedora do Fortnite, que foi expulsa da App Store — loja de apps do iPhone — e chegou a processar o Google nos Estados Unidos. Durante a ação judicial, o júri chegou ao entendimento de que a Play Store é um monopólio.

No fim de 2023, o Google anunciou que facilitaria as instalações e pagamentos fora da Play Store.

Fonte: Phone Arena