Agora é oficial! Intel confirma a compra do app de mobilidade urbana Moovit

Por Fidel Forato | 04 de Maio de 2020 às 18h10
Sundry Photography / Shutterstock.com
Tudo sobre

Intel

Saiba tudo sobre Intel

Ver mais

Ainda hoje (4) falamos sobre as especulações da compra do aplicativo de transportes Moovit pela Intel. Agora, o boato se confirmou com anúncio da própria fabricante de chips que acaba de dar mais um passo no caminho da mobilidade inteligente. Segundo as informações divulgadas pela Intel, a aquisição custou aproximadamente de US$ 900 milhões (cerca de R$ 4,9 bilhões).

Usado por 800 milhões de clientes, o app mostra as melhores opções de transporte público para uma rota e a localização em tempo real de ônibus, cobrindo 3.100 cidades em 102 países. Além disso, a Moovit oferece soluções para empresas privadas e operadores de transporte.

App de mobilidade, o Moovit é comprado pela Intel por quase cinco bilhões de reais (Imagem: Reprodução/ Moovit)

“O Moovit acelera a capacidade de revolucionar verdadeiramente o transporte - reduzindo o congestionamento e salvando vidas - como um provedor de mobilidade completo”, declara Bob Swan, CEO da Intel em comunicado.

Saiba mais sobre apps de mobilidade:

Próximos passos

Em nota, a Intel afirma que a aquisição do Moovit a aproxima do seu plano de “se tornar um provedor completo de mobilidade, incluindo serviços robotáxi, cuja previsão é de uma oportunidade estimada em US$ 160 bilhões até 2030 [cerca de R$ 880 bilhões]”.

No entanto, o Moovit não é o único investimento da Intel no setor de mobilidade. Em 2017, a Intel já havia adquirido outra empresa da área, a Mobileye. Startup especializada em chips para veículos autônomos, a Mobileye testa serviço próprio de táxis autônomos em Israel e, recentemente, anunciou planos para implementação sua na Coreia do Sul.

Fonte: The Verge e Intel

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.