WWDC 2019 | Apple anuncia novo Mac Pro modular e monitor 6K

Por Rafael Rodrigues da Silva | 03 de Junho de 2019 às 20h30
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

Nesta segunda-feira (3), durante a WWDC, a Apple revelou ao mundo o novo modelo do Mac Pro, e os fãs da empresa podem comemorar: a Apple abandonou o modelinho de “lata de lixo” que começou a utilizar em 2013 e voltou para um design mais clássico, que lembra um ralador de queijo.

Assim, o novo design do Mac Pro é estruturado não apenas pensando em uma maior modularidade e flexibilidade para o computador, mas também garantindo uma maior circulação de ar para as placas — o que foi o maior problema do Mac Pro desde a mudança de design em 2013.

O computador comporta um processador Intel Xeon de até 28 núcleos, uma fonte que alimenta até 1,4 kW de equipamentos e um sistema de resfriamento de ponta. A memória do sistema pode ser aumentada até um máximo de 1,5 TB, e a placa-mãe oferece seis canais de memória com 12 slots DIMM. Também há oito slots PCI Express (normalmente usado para placas de vídeo), e quatro deles possuem o dobro do espaçamento, para poder acomodar placas de expansão mais parrudas. A placa ainda oferece 2 entradas USB-C/Thunderbolt e duas USB-A.

Junto com o novo Mac Pro, a Apple está lançando também o Módulo de Expansão MPX, que utiliza as vantagens da conexão Thunderbolt 3 dedicada da placa-mãe do computador para aumentar a velocidade de processamento do sistema e habilitar conexões de alta velocidade entre seus componentes. Esse Módulo MPX tem o tamanho de duas placas de vídeo, possui seu próprio dissipador dedicado e é conectado ao Mac Pro através de uma das entradas PCIe e um conector Thunderbolt customizado. A empresa ainda revelou que é possível usar esse módulo junto com duas Radeon Pro Vega 2 Duo, permitindo ter uma máquina com quatro GPUs e 128 GB de memória dedicada para vídeo.

A empresa também colocará à venda um módulo I/O que adiciona ao computador mais duas entradas Thunderbolt 3, duas entradas USB-A e uma entrada de 3,5mm para fone de ouvido. Além disso, a empresa oferecerá também uma placa feita especialmente para a edição de vídeos, que permite o processamento de até 6 bilhões de pixels por segundo, e oferecerá também a instalação de rodinhas para aqueles que precisam ficar transportando o computador.

O novo Mac Pro ainda não tem uma data específica de lançamento, mas deverá chegar às lojas em meados de outubro e custará a partir de US$ 5.999.

Novo monitor

Monitor Pro Displçay XDR sendo usado junto ao novo Mac Pro (Imagem: Apple)

A Apple aproveitou o evento também apresentar seu novo monitor — um mercado que ela havia abandonado em 2016, mas que se sentiu obrigada a voltar após diversos problemas em sua parceria com a LG.

O novo aparelho é o Pro Display XDR, um monitor de 32 polegadas e que suporta imagens de até 6K. O aparelho utiliza um sistema de controle de luminosidade redesenhado pela Apple que funciona ao mesmo tempo como controle da luz emitida e dissipador de calor, o que permite que o monitor consiga emitir 1000 nits de luminosidade em tela cheia por tempo indeterminado. O monitor também possui um suporte móvel e pode ser utilizado tanto em modo paisagem como em modo retrato, permitindo se adequar a qualquer necessidade do usuário. Além da entrada HDMI, o aparelho também oferece quatro portas Thunderbolt 3 em sua parte traseira.

Assim como o novo Mac Pro, o Pro Display XDR estará disponível para venda a partir de meados de outubro e poderá ser encontrado por preços a partir de US$ 5.000.

Fonte: TechCrunch, The Verge

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.