Protótipo de dispositivo 5G da Motorola alcança 4,2 Gbps em rede 5G

Por Felipe Junqueira | 26 de Fevereiro de 2020 às 16h40
Samsung
Tudo sobre

Motorola

Saiba tudo sobre Motorola

Ver mais

Duas semanas depois da Ericsson atingir a maior velocidade já registrada em uma conexão 5G comercial, quatro outras companhias se uniram para repetir o mesmo no Texas. Samsung, Verizon, Qualcomm e Motorola conseguiram atingir a velocidade de 4,2 Gbps na rede móvel, contra 4,3 Gbps que baixou um vídeo em 4K de um minuto de duração em apenas 14 segundos no começo do mês.

Para atingir uma das maiores velocidades já registradas em redes móveis, as companhias utilizaram uma tecnologia que agregou sinais de vários espectros das bandas mmWave de 800 MHz e 28 GHz em uma unidade de acesso 5G NR 28 Ghz, da Samsung. O dispositivo conectado foi um smartphone ainda não lançado da Motorola, que usa o chipset Snapdragon 865, da Qualcomm.

“Ao usar a agregação de operadora 5G, fomos capazes de alcançar velocidades sem precedentes nas redes móveis e dar vida à enorme largura de banda disponível no espectro mmWave”, celebrou o SVP de tecnologia da Verizon, Adam Koeppe. A operadora pretende disponibilizar esse tipo de conexão em oito canais, batizada de 8CC, ainda este ano.

A Motorola, que não revelou o nome ou número de modelo do dispositivo utilizado no teste, mas aproveitou para levar as expectativas sobre ele lá para cima. “O 8CC levou a experiência do 5G da Verizon a um novo patamar, assim como nosso incrível novo flagship, que alcançou uma das maiores velocidades 5G já registradas”, disse Glenn Shultz, vice-presidente de inovação e desenvolvimento de produtos da companhia.

“Desenvolvido com a plataforma Snapdragon 865, o dispositivo é uma verdadeira máquina em potência, desenhado para fornecer as maiores velocidades 5G possíveis. Mal podemos esperar para que o consumidor aproveite todos os benefícios”, concluiu.

Fonte: Samsung

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.