RealityOS pode ter tido patente solicitada discretamente pela Apple

RealityOS pode ter tido patente solicitada discretamente pela Apple

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 30 de Maio de 2022 às 17h36
Reprodução/Antonio De Rosa

O RealityOS, sistema operacional da Apple voltado para realidade virtual e aumentada, surgiu novamente em um pedido de registro de marca. O pedido teria sido registrado em nome de outra companhia, provavelmente para despistar os curiosos, ainda que conte com claras referências à empresa.

O pedido para registro do RealityOS veio de uma empresa chamada Realityo Systems LLC, baseada no estado do Delaware, nos Estados Unidos. Essa seria a evidência mais recente de que a Apple pode anunciar em breve o seu headset voltado para realidade virtual, alvo de rumores há algum tempo.

A documentação cita compatibilidade com um "hardware de computador vestível" e estaria relacionado ao design, desenvolvimento de hardware de computador, softwares, periféricos e jogos. A parte de design e funcionalidade do visor de RV da Apple é fonte de muita especulação, pois estaria supostamente relacionado a experiências mistas de realidade aumentada e realidade virtual — as quais seriam suportadas pelo RealityOS.

Na prática, a ideia seria sobrepor elementos do mundo real com itens digitalizados, quase como um complemento de informações úteis. Tudo isso seria integrado aos demais aparelhos da empresa, como iPhone, Apple Watch, iPad e macOS.

RealityOS pronto para o lançamento?

Segundo a Bloomberg, o conselho de administração da Apple já teria experimentado o dispositivo, uma prática comum antes do anúncio oficial. Em janeiro, os rumores apontavam para um lançamento no fim de 2022 — ou algum momento de 2023 —, com a exibição formal para o público durante a WWDC 2022, a conferência anual da Apple para desenvolvedores.

A suspeita da manobra da Apple seria porque a Realityo é uma empresa sem presença pública, desconhecida e possivelmente usada apenas como fachada para esconder o desenvolvimento da plataforma. No passado, a companhia de Cupertino adotou a mesma estratégia para tratar do lançamento das versões atualizadas do macOS, como Yosemite, Big Sur e Monterey.

Esses indícios são reforçados ainda mais pela proximidade com o evento da Apple, previsto para iniciar em 6 de junho, quando a empresa costuma tradicionalmente trazer suas principais inovações de software. Os óculos são um tipo de hardware, mas seu funcionamento é totalmente voltado para os apps e jogos.

Fonte: Parker Ortolani  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.