Versão estável do Harmony OS chega aos celulares da Huawei em abril

Por Diego Sousa | 23 de Fevereiro de 2021 às 11h50
Divulgação/Huawei

Nesta segunda-feira (22), durante o evento de lançamento do Mate X2, a Huawei confirmou que a versão estável do Harmony OS será disponibilizada para seus aparelhos premium a partir de abril deste ano. Embora marca não tenha revelado a lista de smartphones compatíveis com o sistema, o novo celular dobrável será um dos primeiros a receber a atualização.

A primeira versão beta do sistema para celulares do SO foi lançada em dezembro de 2020 para os modelos P40, P40 Pro, Mate 30, Mate 30 Pro e Mate Pad Pro, então é bastante provável que esses aparelhos também recebam o update nos próximos meses — ou seja, ao que tudo indica, as próximas gerações dessas linhas já serão equipadas com o sistema durante o lançamento.

De acordo com uma lista não oficial vazada em novembro passado, mais de 40 celulares e tablets devem receber o Harmony OS em 2021, incluindo aparelhos das linhas intermediárias Nova. A lista, no entanto, também inclui smartphones da Honor, agora ex-subsidiária da Huawei, portanto ela deve estar desatualizada. De qualquer maneira, é possível ter uma ideia sobre quais linhas devem ser lembradas pela fabricante; confira no link abaixo:

Harmony OS: alternativo ao Android — e também ao Windows

O Harmony OS começou a ser desenvolvido em maio de 2016, mas as primeiras informações o sistema operacional surgiram logo após as primeiras sanções dos Estados Unidos contra a Huawei, em meados de 2019, que bloquearam o acesso da chinesa ao Android e aos serviços do Google. Isso levou a acreditar-se de que o SO era uma resposta às sanções.

Atualmente, o sistema Harmony OS já funciona em computadores, relógios inteligentes, carros elétricos e terminais domésticos automatizados. A ideia, aqui, é criar um ecossistema inteiramente conectado, sem depender de outras soluções, como o Android — inclusive, em agosto o CEO da divisão de consumo da Huawei, Richard Yu, declarou que o SO poderá não apenas substituir o Android nos celulares, como também o Windows no PC.

Com relação ao seu pacote de serviços Huawei Mobile Services, dados da empresa afirmam que já são 2 milhões de desenvolvedores globais, um aumento de 98% em um ano, e 500 milhões de usuários ativos por vez utilizando a loja de apps AppGallery. A Huawei revelou que pretende equipar no mínimo 200 milhões de dispositivos com Harmony OS em 2021, mas espera resultados bem maiores.

Fonte: Huawei

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.