Sucesso do iPhone 12 renderá muito dinheiro para Samsung e LG; saiba por que

Por Rubens Eishima | 15 de Outubro de 2020 às 13h30
Reprodução/Apple
Tudo sobre

Saiba tudo sobre iPhone 12

Ficha técnica

O lançamento do iPhone 12 estendeu à toda linha o uso de telas OLED, marcando uma mudança em relação aos celulares iPhone 11 e XR que usavam painéis LCD IPS. As principais beneficiadas com a estratégia são as fornecedoras do componente, Samsung Display e LG Display, que devem registrar um salto de produção ao longo dos próximos meses.

Com uma estimativa de vendas acima de 80 milhões de unidades, as quatro versões do iPhone 12 vão impulsionar a capacidade produtiva das fabricantes. O site sul-coreano TheElec estima que, já considerando excedentes de componentes para compensar problemas de produção e peças de reposição, a distribuição de encomendas será de 25% de telas para a LG (20 milhões) e 75% para a Samsung (60 milhões).

Caso os números se confirmem, representarão um aumento significativo para as duas empresas, que forneceram cerca de 5 milhões e 50 milhões de unidades do componente no ano passado, respectivamente. Diante desse cenário, Samsung e LG têm muito a ganhar com o sucesso comercial dos novos iPhone 12.

Fontes ouvidas pelo site confirmaram que a chinesa BOE, também cotada para fornecer telas OLED, foi descartada da cadeia de suprimentos do iPhone 12. Boatos sobre a "eliminação" da fornecedora circulavam desde a metade do ano, após relatos de problemas de qualidade. Mesmo assim, o TheElec não descarta a certificação da BOE para fornecer o componente para modelos recondicionados ao longo de 2021.

OLED LCD
iPhone 8 X
iPhone X X
iPhone XS / XS Max X
iPhone XR X
iPhone 11 X
iPhone 11 Pro / 11 Pro Max X
iPhone SE (2020) X
iPhone 12 mini / 12 / 12 Pro / 12 Pro Max X

Fonte: TheElec

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.