Pixel 6 Pro alcança qualidade próxima ao iPhone 13 Pro Max em teste de câmeras

Pixel 6 Pro alcança qualidade próxima ao iPhone 13 Pro Max em teste de câmeras

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 26 de Outubro de 2021 às 10h30
Divulgação/Apple e Divulgação/Google

Com o lançamento de cada geração da linha Pixel, sempre surgem altas expectativas em relação à qualidade das câmeras, pois os aparelhos costumam apresentar o máximo em otimização de software para fotos em celulares Android. Não foi diferente com os smartphones mostrados na semana passada, e os primeiros testes do canal SuperSaf no YouTube mostram que o Pixel 6 Pro voltou a um patamar similar aos iPhones, celulares que são referência nesse aspecto. 

No vídeo, o iPhone 13 Pro Max e o Pixel 6 Pro foram colocados lado a lado em uma variedade de cenários, que incluem fotos e gravações ao ar livre, com condições de pouca luz, modo retrato, entre outras situações típicas do cotidiano. Os componentes de câmera são bastante distintos entre os dois smartphones, já que o celular do Google apresenta um conjunto de 50 + 12 + 48 MP para sensor principal, ultrawide e telefoto respectivamente, enquanto o smartphone da Apple tem equipadas câmeras de 12 + 12 + 12 MP para os mesmos objetivos, além de um sensor LiDAR para auxiliar no foco. 

Como é esperado, ambos os aparelhos apresentam alta qualidade de imagem quando a entrada de luz no sensor é abundante. Nessas condições, o Pixel 6 Pro apresenta melhores níveis de alcance dinâmico, em que as áreas mais escuras apresentam mais detalhes e as seções mais claras não apresentam superexposição. Por outro lado, o smartphone do Google traz problemas relacionados a reflexos indesejados quando as lentes são apontadas para fontes de luz, como o sol ou lâmpadas.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Áreas escuras apresentam melhor visibilidade no Pixel 6 Pro (Imagem: YouTube/SuperSaf)

Já em ambientes mais escuros, o iPhone 13 Pro Max faz um trabalho mais eficiente em registrar os detalhes dos objetos enquadrados, enquanto o Pixel 6 Pro é capaz de capturar mais luz e fornecer fotos mais claras. Por isso, é possível dizer que os dois aparelhos se equivalem nesse aspecto, dependendo da preferência do avaliador. 

Pixel 6 Pro tem mais entrada de luz no sensor, iPhone 13 Pro Max traz mais detalhes e equilíbrio (Imagem: YouTube/SuperSaf)

Na lente ultrawide, o Pixel 6 Pro traz um processamento ligeiramente mais eficiente, enquanto o iPhone 13 Pro Max mostra um ângulo de visão maior (120º contra 114º do aparelho do Google), além de implementar a função macro na mesma câmera, algo que seu concorrente não faz.

Ângulo de visão é maior no iPhone 13 Pro Max (Imagem: YouTube/SuperSaf)

Para fotos com zoom, o iPhone 13 Pro Max apresentou maiores níveis de detalhe em fotos capturadas durante a noite, mas o Pixel 6 Pro traz maior versatilidade com até 4x de zoom óptico e 20x de zoom digital, contra 3x e 15x respectivamente no celular da Apple. Portanto, os dois aparelhos ficam novamente em um empate técnico.

Fotos com zoom têm mais detalhes no iPhone 13 Pro Max, mas o alcance dele é um pouco menor (Imagem: YouTube/SuperSaf)

No modo retrato, o iPhone 13 Pro Max leva clara vantagem, com um recorte mais preciso entre as camadas da imagem e desfoque progressivo entre objetos com diferentes distâncias. Porém, os tons de pele capturados foram mais realistas no Pixel 6 Pro, tanto na câmera traseira quanto na frontal — o modo ultrawide para a câmera de selfies também é melhor no aparelho do Google.

iPhone 13 Pro Max traz recortes mais precisos por conta do sensor LiDAR (Imagem: YouTube/SuperSaf)

Já na gravação de vídeos, o iPhone 13 Pro Max segue com a vitória no geral, mas com uma competição bem mais próxima do Pixel 6 Pro. A estabilização de imagem ainda é imbatível na câmera traseira do smartphone da Apple, mas na câmera frontal os resultados são mais similares, com uma leve vantagem para o celular do Google. Enquanto isso, o HDR é bastante eficiente em ambos os aparelhos, mas o iPhone leva a melhor nesse quesito também. 

Portanto, o resultado geral ainda indica uma vitória do iPhone com todos os aspectos considerados, mas os testes mostram que o aparelho do Google chegou mais perto de igualar as condições — ou até mesmo vencer em determinados momentos, especialmente em alcance dinâmico, tons de pele e zoom —, algo que gerações anteriores do Pixel já não alcançavam.

O teste completo pode ser conferido abaixo:

Fonte: YouTube/SuperSaf

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.