Galaxy S21: primeiras análises destacam o bom conjunto a preço mais baixo

Por Felipe Junqueira | 23 de Janeiro de 2021 às 10h00
Divulgação/Samsung

O Galaxy S21 chegou a preço bem mais baixo que sem antecessor, e para isso a Samsung realizou alguns cortes que, apesar de talvez fazerem falta a alguns fãs, não chegam a tirar o aspecto premium do dispositivo.

As primeiras análises do modelo mais barato da nova linha de topo da sul-coreana já começaram a sair na imprensa internacional, que destacaram o aparelho como um bom topo de linha a preço mais baixo, com qualidade de tela excelente e conjunto de câmeras interessante. Mas a traseira com acabamento em plástico e ausência de carregador na caixa e espaço para micro SD são dois dos pontos mais citados como desvantagens.

Veja abaixo um resumo do que cinco veículos internacionais registraram sobre o Galaxy S21 após vários dias de testes com o celular.

Android Authority: “uma excelente Honda, não uma ótima Mercedes”

Galaxy S21 tem versão violeta com detalhes dourados (Imagem: Reprodução/David Imel/Android Authority)

Na análise de C. Scott Brown no Android Authority, o Galaxy S21 é um celular para o usuário comum. Os mais exigentes “vão pensar que ele é anêmico, mas o consumidor mediano vai encontrar tudo o que precisa por um preço bastante razoável”.

Os pontos fracos destacados na avaliação foram o preço justo, ótimo design, sistema de câmera “sólido” e processador “poderoso” — lembrando que a versão analisada tem o Snapdragon 888. Não agradou a ausência de carregador na caixa e espaço para cartão de expansão do armazenamento, além de um recarregamento rápido “medíocre”.

CNet: “mais distante do Ultra e mais perto do S20 FE”

Detalhe das câmeras do S21 (Imagem: Reprodução/Sarah Tew/CNET)

Patrick Holland avaliou o Galaxy S21 no CNet, e achou a ideia da Samsung de deixar o modelo mais próximo do que entregou no S20 FE do que traz nos modelos Ultra um “movimento inteligente”. “A companhia encontrou um bom equilíbrio em termos de preço, recursos e design para o S21”, concluiu o especialista, para quem o S20 pode ter sido “premium demais”.

Pontos positivos do S21 no CNet foram o preço baixo, design, Android 11 com a One UI 3.1 e alta taxa de atualização da tela. Os negativos foram a quantidade de memória RAM (menor no S21 do que no S20 5G americano), resolução da tela, limitada a Full HD, aquecimento durante o uso e falta do espaço para cartão micro SD.

Digital Trends: “receita certa, ingredientes errados”

Traseira e frente do Galaxy S21 (Imagem: Reprodução/Andrew Martonik/Digital Trends)

Para o especialista do Digital Trends, Andrew Martonik, o Galaxy S21 “faz uma aposta inteligente em valor com um preço de lançamento mais baixo, mas ao fazê-lo parece preso a 2020”. Ele considerou o celular “bom, mas não particularmente excitante”.

Nos pontos positivos foram destacados o hardware “liso e colorido”, tela excelente, leitor de impressão digital melhorado e preço mais baixo. Mas a traseira com acabamento em plástico, experiência de câmera que “não é de flagship de 2021” e preço do Galaxy S21 Plus “decepcionante” ficaram como pontos negativos.

GSMArena: “previsivelmente um bom conjunto”

Conjunto de câmeras do S21 agradou maioria dos especialistas (Imagem: Reprodução/GSMArena)

Sem assinatura por ser um trabalho em equipe, a análise do GSMArena é consideravelmente elogiosa ao Galaxy S21, “o Galaxy S para amantes de celulares compactos. Porém, alerta que o S20 ainda pode oferecer até mais por um preço menor do que seu sucessor.

O veículo apontou as opções de cores, IP68 e design chamativo, o fato de o aparelho ser uma opção topo de linha compacta, tela AMOLED brilhante e com taxa de atualização adaptável, vida de bateria boa, conjunto de câmera versátil e melhoria nas selfies como pontos positivos. Mas a ausência de acessórios na caixa, traseira plástica, tela plana e bordar mais grossas, resultados de benchmarks e ausência de avanços na câmera são pontos negativos.

Tom’s Guide: “bom celular Android pelo preço”

Tela do S21 é plana, não tem mais as laterais curvas (Imagem: Reprodução/Tom's Guide)

Roland Moore-Colyer fez a análise do Galaxy S21 para o Tom’s Guide e resumiu que o aparelho “perde alguns recursos, mas ainda é um bom aparelho Android pelo preço”. E seguiu: “Galaxy S21 é o mais refinado, inteligente e crucialmente barato novo flagship”.

Os pontos positivos para o veículo sã a tela com taxa de atualização de 120 Hz, desempenho “poderoso”, design refinado e zoom de câmera também poderoso. Mas a falta de carregador ou espaço para micro SD, traseira plástica e inconsistências na câmera foram citados como pontos negativos.

E você, o que achou das análises internacionais do Galaxy S21? Faltou falarem mais de algum recurso que considera importante, ou é o suficiente para lhe ajudar a decidir se vai comprar o celular da Samsung? Conte-nos no campo de comentários.

Fonte: Android Authority, CNet, Digital Trends, GSMArena, Tom's Guide

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.