Fabricantes chinesas devem lançar smartphones com reconhecimento facial em 2018

Por Redação | 09 de Novembro de 2017 às 18h00

Segundo informações da imprensa chinesa, as fabricantes Xiaomi, Oppo e Vivo deverão se apressar para incluir o reconhecimento facial em seus smartphones lançados em 2018, enquanto a Huawei pode ficar para trás – ao menos por enquanto.

Tudo isso por causa do sucesso do Face ID, introduzido pela Apple no recém-lançado iPhone X. A Maçã saiu na frente da concorrência no que diz respeito à inovação na segurança de seus dispositivos, deixando os leitores de impressões digitais com os dias contados no mercado.

Ainda segundo as informações, a Qualcomm será a fornecedora responsável por alimentar os sensores 3D necessários para o reconhecimento facial nos smartphones chineses, graças a uma parceria firmada com a Wonder Vision, enquanto o módulo do sensor deverá ser oferecido pela Reliance Optoelectronics. Também de acordo com as fontes orientais, os primeiros chips com esta tecnologia já aparecerão no mercado chinês entre março e abril de 2018.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Já a Huawei, que é a líder atual no mercado chinês de dispositivos móveis, fabrica seus próprios componentes e não depende de fornecedores terceirizados. Sendo assim, a companhia poderá levar um pouco mais de tempo para criar sua própria tecnologia de reconhecimento facial, ainda que esteja trabalhando com a Sunny Optical Technologies no desenvolvimento de soluções em sensores 3D.

Fonte: GizChina

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.