Publicidade

7 séries para quem ficou órfão de The Crown

Por| Editado por Durval Ramos | 18 de Dezembro de 2023 às 15h40

Link copiado!

Divulgação/Hulu, Netfliix e Showtime
Divulgação/Hulu, Netfliix e Showtime

Após seis temporadas, The Crown finalmente chegou ao fim. A série criada e escrita por Peter Morgan que acompanha a vida da Rainha Elizabeth II desde sua coroação, na década de 1940, até a metade dos anos 2000 teve seus últimos seis episódios lançados na última quinta-feira (14) na plataforma e deixou um vácuo no coração do público que se acostumou a acompanhar a vida de Betinha e seus familiares de perto.

Muito aclamada pela crítica e pelo público, a produção conquistou uma legião de fãs desde sua estreia em 2016, o que torna esse encerramento ainda mais amargo para o público. Se você é um desses admiradores que mal deu play no último episódio e já está com saudades do show, o Canaltech montou uma lista de 7 séries para quem ficou órfão de The Crown.

A seleção traz documentários e produções ficcionais sobre a coroa britânica, como as séries Harry e Meghan e The Tudors, mas também contempla títulos baseados em outras monarquias e famílias históricas, como Catherine the Great e Os Bórgias.

Continua após a publicidade

7. Harry e Meghan

Série documental de seis episódios, Harry e Meghan é uma produção da Netflix lançada em 2022. Ideal para quem terminou The Crown querendo saber mais sobre o filho caçula da Princesa Diana (mostrado no show muito pouco em comparação ao irmão), a produção se debruça especialmente sobre sua relação com a atriz norte-americana Meghan Markle, também conhecida como Duquesa de Sussex.

No documentário, é possível acompanhar todo o envolvimento do casal, desde o momento em que se conheceram e casaram até o derradeiro afastamento da Família Real. A produção fala também sobre as acuações de racismo e preconceito levantadas por Meghan contra a realeza, além de mostrar o assédio da mídia em torno de sua relação com Harry.

Continua após a publicidade

Harry e Meghan está disponível na Netflix.

6. The Royal House of Windsor

Outra série documental que pode ser bem interessante para os fãs de The Crown é The Royal House of Windsor, produção de 2017 do Channel 4. Feita em comemoração ao 100º aniversário da fundação da Casa de Windsor, a séria mostra a história da monarquia britânica desde o fim da Primeira Guerra Mundial, período que não chega a ser retratado na série da Netflix.

Continua após a publicidade

Dividida em seis episódios, a produção utiliza gravações históricas, cartas e fotos de arquivo para recontar os 100 anos da dinastia. Além disso, ela mostra arquivos pessoais e exclusivos da família real, que permitem visualizar um pouco mais da intimidade e dos segredos da coroa.

The Royal House of Windsor não está disponível em nenhum streaming ou plataforma digital.

5. The Tudors

Continua após a publicidade

Para quem deseja voltar ainda mais no tempo, The Tudors pode ser uma ótima pedida. Lançada pelo canal Showtime, a série ficcional de quatro temporadas é baseada na história de Henrique VIII, Rei da Inglaterra entre 1509 e 1547. Criada por Michael Hirst, ela se concentra principalmente nos primeiros anos de seu reinado, um período bastante turbulento do país.

Estrelada por Jonathan Rhys Meyers, que dá vida ao monarca, a série mostra ainda outras importantes figuras históricas do período como Carlos Brandon, Duque de Suffolk (Henry Cavill), Catarina de Aragão (Maria Doyle Kennedy) e Ana Bolena (Natalie Dormer) — essas duas últimas, as mais famosas esposas do rei.

The Tudors está disponível no Claro TV+.

4. The Windsors

Continua após a publicidade

Sitcom britânico, The Windsors é uma produção do Channel 4 que parodia a vida da família real britânica. Composta por três temporadas, a série tira sarro de teorias e plots imaginários (e nada lisonjeiros) sobre a monarquia, como o desejo de Camilla em se tornar rainha e a inveja de Pippa Middleton de sua irmã Kate.

Criada por George Jeffrie e Bert Tyler-Moore, a produção apela para o humor besteirol e escrachado, mostrando a coroa de um jeito como você nunca viu antes. Fazem parte do seu elenco nomes como Harry Enfield, Haydn Gwynne e Hugh Skinner.

The Windsors está disponível na Netflix.

Continua após a publicidade

3. Catherine the Great

Outra monarquia marcada por escândalos e jogos de poder é a retratada em Catherine the Great, minissérie original da HBO. Lançada em 2019, ela gira em torno da Imperatriz da Rússia, Catarina II, a Grande, monarca que reinou no país de 1762 até 1796 e foi responsável por transformar a Rússia em uma grande potência internacional.

Com uma temporada de quatro episódios, a minissérie segue os passos de uma das figuras mais poderosas da História, considerada até hoje uma das déspotas mais esclarecidas, inteligentes e sexualmente livre. Estrelada por Helen Mirren (que também já deu vida a Rainha Elizabeth II no filme A Rainha), a produção cobre principalmente os últimos anos da czarina no poder.

Continua após a publicidade

Catherine the Great está disponível no Star+.

2. The Great

Continua após a publicidade

Para quem, no entanto, que conhecer mais da ascensão de Catarina ao trono, só que de um jeito cômico e satírico, The Great é uma ótima opção. Original do Hulu, a série criada por Tony McNamara com base em sua peça de 2008 não tem pretensão alguma de ser precisamente histórica, inclusive brincando com o “verdadeiro” e o distorcido a todo momento.

Protagonizada por Elle Fanning, ela segue os passos da futura imperatriz quando ela ainda é uma adolescente e se prepara para casar com o perigoso e depravado Pedro III (Nicholas Hoult), a quem deseja matar. Composta por três temporadas, a série chegou a ser indicada em algumas das principais premiações da indústria, como o Emmy e o Globo de Ouro.

The Great está disponível no canal Lionsgate+ do Globoplay.

1. Os Bórgias

Continua após a publicidade

A última indicação dessa lista, embora não seja de uma família de monarcas, é de uma das dinastias mais importantes do período do Renascimento, lembrada até hoje por seus crimes, nepotismo e escândalos. Os Bórgias, série criada por Neil Jordan, segue os passos da família espanhola Bórgia, um clã que ascendeu ao clero da Igreja Católica e se tornou politicamente muito importante na Itália durante os séculos XV e XVI.

A série, que mostra a história de subornos, assassinatos, corrupção e extorsão feitos pela família, é protagonizado por Jeremy Irons (Rodrigo Bórgia/Papa Alexandre VI), François Arnaud (César Bórgia) e Holliday Grainger (Lucrécia Bórgia). Lançada em 2011, ela é composta por três temporadas.

Os Bórgias está disponível no Star+.