Publicidade

Agatha | O que a mudança no nome da série da Marvel diz sobre sua história

Por| Editado por Jones Oliveira | 08 de Setembro de 2023 às 18h05

Link copiado!

Reprodução/Marvel Studios
Reprodução/Marvel Studios
Tudo sobre Marvel

Agatha: Darkhold Diaries é a série spin-off de Wandavision que foca em Agatha Harkness, feiticeira que surgiu como antagonista de Wanda na primeira grande produção da Marvel para a Disney+. A série já teve mais de um nome, algo que parece demonstrar insegurança da Marvel em relação à série, mas que na verdade, pode revelar mais sobre a trama da adaptação.

Quando foi anunciada, em 2021, a série estrelada por Kathryn Hahn (Mrs Fletcher) se chamaria Agatha: House of Harkness. Um bom título, mas que em 2022 foi alterado para Agatha: Coven of Chaos. Essa mudança por si só já deixava claro que, apesar de a feiticeira estar no centro de tudo, mais bruxas e feiticeiras fariam parte de sua trama.

Continua após a publicidade

Coven of Chaos parecia um nome bom o suficiente para o Marvel Studios seguir em frente, mas com o anúncio de uma nova data de lançamento para a série, ela acabou ganhando outro título, dessa vez que já havia surgido na internet, mas ninguém botou muita fé.

Agatha: Darkhold Diaries já havia sido revelado em uma suposta brincadeira da atriz Aubrey Plaza (Scott Pilgrim Contra o Mundo), que postou uma foto do set da série em que o título era usado pela equipe de produção, mas ainda se acreditava que seria o nome de um episódio específico.

De acordo com fontes da revista Variety, que noticiou a mudança de título e nova data de lançamento da série, essa mudança seria realmente reflexo de coisas que Agatha Harkness faz dentro do seriado e não a Marvel indecisa sobre o que fazer com a adaptação. Mas como isso?

Continua após a publicidade

O que é o Darkhold?

O Darkhold, também conhecido como Livro dos Pecados e Livro dos Malditos, é um livro de feitiços de magia das trevas criado pelo demônio Chthon, conforme apresentado tanto em WandaVision quanto em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura. Depois de séculos perdido, ele acabou cruzando o caminho da feiticeira Agatha Harkness, que o levou até a cidadezinha de Westview para ampliar seus poderes.

Continua após a publicidade

Em Westview, Agatha conheceu Wanda Maximoff, que acabou criando uma anomalia no local, usando seus poderes mágicos para transformar a cidade no cenário de sua vida em família com o Visão, que morreu nas mãos de Thanos, em Vingadores: Guerra Infinita.

Após despertar o poder da Feiticeira Escarlate, Agatha acaba aprisionada e perde o Darkhold, que fica nas mãos de Wanda. A feiticeira começa a estudar o livro na esperança de encontrar um meio de ver seus filhos novamente, mas acaba corrompida pelo seu poder sombrio.

Em Doutor Estranho e o Multiverso da Loucura, Wanda viaja pelo Multiverso para encontrar seus filhos, mas acaba criando buracos que bagunçam ainda mais o multiverso da Marvel. No fim, para tentar se livrar do domínio do livro, Wanda se sacrifica, destruindo o Darkhold e todas as suas cópias espalhadas em vários universos.

Continua após a publicidade

Como isso afeta a série Agatha: Darkhold Diaries?

Não existir mais um Darkhold é importante para a série, pois isso mostra que ela pode revelar segredos sobre o passado de Agatha, com passagens em diferentes épocas relacionadas ao livro.

Outra possibilidade é que, usando desses diferentes momentos da existência do Livro dos Pecados, Agatha possa tentar encontrar um jeito de recuperá-lo. Com isso, a série poderia explorar o lado mágico do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU na sigla em inglês), abrindo várias possibilidades para esse lado das adaptações da empresa.

E é nesse contexto que as constantes alterações de título da série Agatha parecem relacionadas. Levando em conta que a feiticeira era a portadora do livro até a chegada de Wanda, faria sentido vermos tanto o passado da personagem como seu destino após ser amaldiçoada pela Feiticeira Escarlate — e tudo isso acabaria girando em torno do Livro das Trevas. A partir disso, os nomes "Clã Harkness", "Clã do Caos" e até mesmo "Diários do Darkhold" fazem muito sentido e estão todos conectados a uma mesma ideia de mostrar a participação de Agatha e outros personagens místicos seja na proteção quanto na própria busca pelo Darkhold após os eventos de Multiverso da Loucura. Outra possibilidade é mostrar como a maldade do livro ainda afeta certos personagens mágicos, o que poderia ser facilmente usado para introduzir novos heróis e vilões.

Continua após a publicidade

Contudo, tudo isso é meramente especulativo. Com a marvel simplesmente não dando qualquer informação sobre o conteúdo da série, teremos que esperar até o segundo semestre de 2024, que é quando Agatha: Darkhold Diaries chegará à Disney+, para saber quais os reais planos para a feiticeira