Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

É verdade que a vida passa diante dos nossos olhos antes da morte?

Por| Editado por Luciana Zaramela | 08 de Dezembro de 2023 às 10h14

Link copiado!

Anna Shvets/Unsplash
Anna Shvets/Unsplash

A morte é um verdadeiro mistério. Sabemos que acontece a todos um dia, mas obviamente não há ninguém que possa confirmar como isso ocorre. Alguns estudos se concentraram em responder uma dúvida que há muito se estabelece pelo senso comum: o que as pessoas veem antes da morte? A vida passa como um filme?

Em 2022, cientistas registaram a atividade cerebral de um homem de 87 anos antes de um ataque cardíaco. Esses registos mostraram que os padrões de atividade cerebral associados aos sonhos e à recuperação da memória ganharam vida no momento em que o coração parou de bater, continuando por algum tempo depois.

Por enquanto, é impossível tirar conclusões concretas, mas a atividade cerebral relacionada com a recuperação da memória pode indicar que realmente vemos a nossa vida passar diante dos nossos olhos quando morremos.

Continua após a publicidade

No entanto, outros estudos reforçaram ainda mais essa teoria. No caso, quatro pacientes com ataque cardíaco que morreram na unidade de terapia neurointensiva (UTIN) tiveram suas oscilações neurais observdas durante a morte.

Os pesquisadores observaram um pico de atividade na área do cérebro que fica entre os lobos temporal, parietal e occipital, e está ligada tanto ao sonho quanto à consciência.

Mas para responder a essa questão com mais propriedade, pesquisadores também analisaram a experiência de pessoas que morreram (clinicamente falando) e voltaram à vida. Nesse estudo, 86% cento dos participantes relataram ter visto uma luz brilhante, enquanto 54% reviveram e reviram os seus principais acontecimentos de vida.

Como é a sensação de morrer?

Os relatos sugerem que a experiência da morte na verdade é "agradável e edificante", com 95% dos entrevistados afirmando ter sentido uma sensação de alegria e paz ao deixarem seus corpos.

Mas é claro que, considerando a complexidade dessa questão, ainda não é possível chegar a uma conclusão. Os cientistas podem ter apenas esses relatos do que acontece antes da morte. Mas uma informação mais concreta é o que acontece com o cérebro quando a pessoa morre.

Fonte: Frontiers in Aging Neuroscience, Proceedings of the National Academy of Science