Duas doses da CoronaVac protegem contra variante Delta, segundo Butantan

Duas doses da CoronaVac protegem contra variante Delta, segundo Butantan

Por Nathan Vieira | Editado por Luciana Zaramela | 09 de Julho de 2021 às 15h53
rawf8/envato

Na última quarta (7), o presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, anunciou que duas doses da CoronaVac podem contribuir na proteção contra a variante Delta (B.1.617.2 ou indiana) do SARS-CoV-2. 

“O fato de você ter a imunidade completa ajuda e ajuda substancialmente”, afirmou Dimas. “Essa variante Delta é uma preocupação não só do Brasil, mas do mundo. Nesse momento, é a variante que penetrou o maior número de países e surpreendeu nações como Israel e Reino Unido, onde já está presente em percentuais elevados. A tendência, dado que ela é mais rápida na sua disseminação, é que seja a variante que vai predominar no mundo", completou.

(Imagem: erika8213/envato)

A CoronaVac foi testada em laboratório na China e teve bom desempenho contra essa cepa. “Os resultados foram muito animadores. A vacina apresenta uma resposta adequada contra a variante em laboratório”, explicou.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Dimas salientou que a dúvida dos cientistas é sobre qual variante irá predominar no Brasil futuramente, a Delta ou a Gama (P.1, amazônica). “A pergunta aqui no Brasil é qual será a variante que vai dominar nos próximos meses. Obviamente, a que for mais infecciosa em termos de transmissão tende a se tornar dominante. Daí a importância fundamental nesse momento de fazermos o acompanhamento das variantes”, apontou.

Fonte: Instituto Butantan

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.