SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Dia Mundial do Coração | Conheça os principais exames para check-up

Por| Editado por Luciana Zaramela | 29 de Setembro de 2023 às 12h30

Link copiado!

DCStudio/Freepik
DCStudio/Freepik

Celebrado nesta sexta-feira (29), o Dia Mundial do Coração é o momento ideal para lembrarmos da importância do check-up cardiológico anual, que pode ser feito através de diferentes exames. Para isso, o cardiologista pode solicitar desde um hemograma até um eletrocardiograma, passando pela angiotomografia de coronárias. Em consultório, é importante também medir a pressão arterial.

Cuidar do coração e manter a vigilância sobre possíveis doenças cardiovasculares, através do check-up regular, salva vidas. Para dimensionar os riscos, o Brasil registra 300 mil casos de Infarto Agudo do Miocárdio, também conhecido como ataque cardíaco, por ano. Desse total, o Ministério da Saúde estima que 30% evoluam para o óbito.

Continua após a publicidade

Mais preocupante, a tendência nos casos de infarto é de aumento no país. Até o ano de 2040, é possível que a incidência aumente em até 250%, no pior dos cenários estimados. Para impedir esse aumento, é preciso controlar fatores de risco e investir na prevenção.

Quando fazer o check-up do coração?

Como regra geral, “recomenda-se que pessoas assintomáticas passem a consultar um cardiologista, periodicamente, a partir dos 40 anos”, afirma a cardiologista Thais Pinheiro Lima, especialista em tomografia e ressonância cardiovascular pelo Instituto do Coração (InCor) e sócia fundadora da CardioScan Telerradiologia Cardiovascular.

Em média, esse check-up pode ser feito uma única vez ao ano, mas, dependendo das características do paciente e de doenças já diagnosticadas, o intervalo pode ser menor — uma vez a cada seis meses, por exemplo.

Continua após a publicidade

Para além dos exames preventivos, a médica pontua que, em caso de sintomas estranhos, o recomendado é buscar atendimento médico imediatamente. Entre os problemas de alerta, estão: palpitações (coração acelerado), dor no peito ou desmaios frequentes.

Angiotomografia de coronárias e cateterismo

Quando se pensa nos problemas do coração, uma das complicações mais comuns é a doença arterial coronariana. Esta é causada pelo depósito gradual de gordura, o "famoso" colesterol, nas artérias, o que pode implicar na formação de placas capazes de dificultar a passagem de sangue.

Continua após a publicidade

Dependendo do caso, o paciente pode sentir dor no peito e falta de ar, mas, em quadros mais graves, a obstrução consegue provocar um infarto. Então, checar o nível de obstrução dessas artérias é fundamental, ainda mais quando existem sintomas.

Por que solicitar a angiotomografia de coronárias?

Hoje, já existem formas não invasivas para o diagnóstico da doença arterial coronariana e de outros quadros graves, como a angiotomografia de coronárias. É um exame feito através de tomografia computadorizada para visualizar o estado dos vasos sanguíneos que suprem os músculos cardíacos. Por exemplo, a análise dessas imagens indica a existência (ou não) de placas de gordura, obstruindo as artérias.

Continua após a publicidade

"Este exame tem elevada precisão, ou seja, já descobre entupimentos e obstruções das artérias mesmo nos casos mais iniciais e veio para substituir o cateterismo no cenário de diagnóstico de doença coronariana", explica a cardiologista Lima. “Mesmo no caso de pacientes jovens, se existe risco cardiovascular moderado a alto, a angiotomografia de coração pode ser indicada”, acrescenta.

Como citado, o cateterismo é um outro tipo de exame, mas é invasivo, já que envolve a introdução de um cateter para investigar possíveis obstruções. Só que, diferente da angiotomografia, ele pode ser utilizado no tratamento da doença coronária, que é a realização de angioplastia — colocação de stent na coronária.

Mais exames do check-up cardiológico

Embora o check-up cardiológico seja fundamental para manter a saúde do coração em dia, os exames solicitados pelo médico variam conforme as características daquele indivíduo — se tem pressão alta, diabetes, é fumante ou não pratica exercícios, por exemplo. Além da angiotomografia de coronárias, podem ser solicitados:

Continua após a publicidade

Hemograma

O hemograma é o famoso exame de sangue, que pode detectar tanto o excesso de gordura quanto o de açúcar. De forma geral, triglicérides elevados indicam possível perigo para a saúde das artérias.

MAPA

Continua após a publicidade

A Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial (MAPA) é usada para avaliar, como o próprio nome já diz, a pressão arterial do indivíduo. Através do aparelho, é possível registrar a pressão em intervalos regulares de tempo, obtendo uma média.

Eletrocardiograma

Bastante conhecido por medir a atividade elétrica do coração em forma de um traçado exibido em um monitor, o eletrocardiograma (ECG) é feito com a fixação de eletrodos no tórax, além dos membros superiores e inferiores. Normalmente, pode indicar anomalias, como arritmias.

Continua após a publicidade

Holter

O holter pode ser encarado como um ECG de longa duração, já que costuma ser solicitado quando o eletrocardiograma simples não identifica a origem do descompasso na batida do coração. A diferença está no equipamento usado, sendo que, nesta modalidade, é utilizado um pequeno monitor que permanece em atividade por um dia ou mais — o paciente segue sua rotina, enquanto é monitorado.

Teste de esforço

Continua após a publicidade

Talvez, este seja o mais simbólico dos exames de check-up da saúde do coração,e tende a ser feito por pessoas que vão praticar uma nova atividade física. Aqui, a pessoa precisa pedalar em uma bicicleta ou andar e correr em uma esteira, com os seus batimentos cardíacos sendo monitorados em tempo real através do ECG.

Ecocardiograma

O ecocardiograma equivale a uma ultrassonografia do músculo cardíaco, na qual é possível checar tanto alterações anatômicas quanto algumas disfunções do órgão. Entre os usos, está o diagnóstico de problemas congênitos, ou seja, aqueles que o paciente carrega desde o nascimento.

Cintilografia

Continua após a publicidade

Outro tipo de exame de imagem, a cintilografia usa uma pequena quantidade de radiação para avaliar as artérias coronárias, por exemplo. O interessante é que o método permite compreender e analisar o fluxo sanguíneo do paciente.

Fonte: Ministério da Saúde