Publicidade

TikTok agora permite identificar conteúdos gerados por IA

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 15 de Agosto de 2023 às 16h03

Link copiado!

Solen Feyissa/Flickr/CC-2.0
Solen Feyissa/Flickr/CC-2.0
Tudo sobre TikTok

Um novo recurso no TikTok permite que os criadores sinalizem quando seus conteúdos foram gerados por meio de inteligência artificial. A etiqueta está disponível dentro de “mais opções” ao carregar um vídeo para publicação na rede social.

A plataforma recomenda a utilização do rótulo de “conteúdo gerado por IA” e informa que pode remover conteúdos dessa categoria se eles não estiverem devidamente sinalizados.

TikTok combate os deepfakes

Continua após a publicidade

O TikTok tem uma política de restrição em relação aos deepfakes desde 2020. Em março de 2023, a plataforma excluiu uma série de publicações e proibiu deepfakes de figuras privadas ou menores de idade.

Nas diretrizes da comunidade, a plataforma define deepfakes como “falsificações digitais (mídia sintética ou mídia manipulada) que enganam os usuários ao distorcer a verdade dos eventos e causam danos significativos a outras pessoas, à sociedade ou ao assunto do vídeo”.

As figuras públicas ainda podem ser utilizadas nas criações com IA, desde que as publicações sejam rotuladas e tenham um objetivo humorístico ou criativo.

Continua após a publicidade

Debate sobre conteúdos gerados por IA

O tema das ferramentas de IA para geração de conteúdo vem sendo debatido pelas grandes empresas de tecnologia e também por governos que buscam uma forma de regulamentar suas aplicações e produzir normas para identificar esses conteúdos.

Uma força tarefa liderada pelas Big Techs americanas prometeu padronizar algum tipo de marca d’água para sinalizar os materiais gerados por IA — e não apenas vídeos, mas também fotos, imagens, áudios e textos.

A preocupação crescente em relação aos conteúdos gerados por IA acompanha os casos de imagens de figuras públicas criadas ou alteradas pela tecnologia. Exemplos disso foram a foto do Papa Francisco com casaco estiloso e imagens de Donald Trump sendo preso.

Continua após a publicidade

Um sistema padronizado de marca d’água poderia evitar a propagação de deepfakes de pessoais reais, especialmente quando esses são usados para prejudicar a imagem de alguém ou manipular debates políticos e eleitorais.

Na semana passada, a Meta anunciou que vai introduzir um rótulo — similar a esse do TikTok — para informar quando os conteúdos das publicações foram criados através de ferramentas de IA.