Google anuncia ferramentas de verificação de fatos para combater fake news

Google anuncia ferramentas de verificação de fatos para combater fake news

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 01 de Abril de 2022 às 12h00
PhotoMIX Company/Pexels

O Google anunciou um conjunto de ferramentas para combater a desinformação e ajudar as pessoas a se informarem com mais precisão. Como forma de celebrar o Dia Internacional de Verificação de Fatos, em 2 de abril, a empresa relembra a importância da verificação de fatos no atual momento.

Esses serviços da gigante das buscas incluem verificação de fontes, contexto para pesquisas e avaliação da qualidade de informações. São vários recursos do buscador para ajudar pessoas a não dependerem das mensagens de WhatsApp para se informar nem de meras opiniões de redes sociais.

Você poderá se informar sobre o assunto quando tiver mais informações disponíveis (Imagem: Reprodução/Google)

Uma das principais coisas para ficar de olho é quando um tópico está em alta e as informações ainda não estão amplamente disponíveis. Nesses momentos, a pesquisa passará a mostrar um aviso nos resultados que pode levar algum tempo para fontes confiáveis publicarem sobre aquilo. O alerta está atualmente disponível em mais de 20 idiomas.

Nas pesquisas em inglês dos Estados Unidos, o Google incluirá também dicas para ajudar o leitor a avaliar as informações já disponibilizadas online. O mecanismo de busca recomendará verificar se a fonte é confiável ou retornar mais tarde quando mais dados estiverem disponíveis. Quem quiser ver mais dicas, poderá ser direcionado para uma página que explica como entender se uma informação é verdadeira ou falsa com base em pesquisas feitas com especialistas.

Novos rótulos

A rotulagem de informações é uma das técnicas recentes mais utilizadas pelo Google e por redes sociais para oferecer contexto para notícias. A ideia de aplicar isso ao buscador é esclarecer sobre assuntos locais, retomar informações não conhecidas do leitor ou resumir fatos para melhor compreensão.

Um rótulo chamado Top Stories deve trazer o artigo original de um assunto e matérias de outras páginas jornalísticas que complementem ou repercutam o acontecimento. O Google diz que ali poderá ser encontrado vários formatos diferentes: artigos investigativos, entrevistas, comunicados à imprensa ou notícias locais.

Notícias reunidas em um só local ajudarão o leitor a entender o contexto e ter informações complementares sobre um tópico (Imagem: Reprodução/Google)

Todos esses rótulos serão inseridos por uma equipe de editores do buscador para estabelecer a relevância da fonte para a informação. Para tanto, o Google conta com um parcerias firmadas com organizações independentes para checagem de fatos. Ao pesquisar por um tópico contestado, o sistema poderá inferir artigos que desmentem ou comprovam a veracidade daquela informação.

O Fact Check Explorer do Google permite pesquisar diferentes tópicos sobre os quais você tem dúvidas. Essa ferramenta coleta mais de 150 mil verificações de fatos de editores respeitáveis ​​de todo o mundo.

A população deve ser a principal beneficiada, pois saberá a origem de um relato e poderá conferir nos veículos de comunicação rivais a continuidade da história. O rótulo será lançado "em breve" para dispositivos móveis em inglês e globalmente nas próximas semanas.

Saiba mais sobre a página

Muitos sites surgem todos os dias e nem todos são confiáveis. Fake news surgem exatamente desses blogs que ninguém nunca ouviu falar, mas repassam a informação em grupos e as coisas viralizam. O Google pretende oferecer informações sobre essas páginas para saber mais detalhes antes de confiar em algo que vem dali.

São várias informações importantes para ajudar a conhecer aquela página (Imagem: Reprodução/Google)

Para ver os detalhes de uma página, basta clicar no ícone de três pontos e procurar por "Sobre este resultado". Lá dá para saber como a fonte escreve, o que outras pessoas disseram sobre o site e matérias relacionadas ao tópico. Esses recursos estarão disponíveis em breve para as pesquisas em inglês em todo o mundo.

Apoio à checagem de dados

O Google também anunciou que apoiará os esforços para criação de projetos voltados para checagem e validação de fatos globalmente por meio do Google Notícias. A parceria com a International Fact Checking Network (IFCN) fornecerá treinamento e recursos para criar especialistas no setor no mundo inteiro.

Aqui no Brasil, por exemplo, foi lançada a Comprova, uma coalizão de empresas de checagem de fatos voltada para as eleições presidenciais de outubro de 2022. Há também iniciativas em outros países para ações pontuais, como questões de saúde pública ou sobre a guerra da Rússia, ou para fatos do dia a dia.

Fonte: Google  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.