Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Threads testa arrastar posts para curtir igual ao Tinder

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 21 de Março de 2024 às 09h06

Link copiado!

Dave Adamson/Unsplash
Dave Adamson/Unsplash

As atualizações na interface e usabilidade do Threads continuam dando as caras. A rede social de microblog da Meta começou a testar um recurso similar ao que é visto no Tinder, com a possibilidade de deslizar para os lados para curtir ou "descurtir" uma postagem. Quem anunciou a novidade foi o chefão do Instagram, Adam Mosseri, em uma publicação na noite da quarta-feira (20).

Threads "vira" Tinder, mais ou menos

A única semelhança que o Threads passa a ter com o Tinder durante o período de testes da nova função é a de poder deslizar o post para os lados. Se a pessoa mover a publicação para a direita, dará um “like” nela; se deslizar para a esquerda, o conteúdo será apontado como “não interessante”.

Continua após a publicidade

Segundo Mosseri, o objetivo do recurso é de "tornar mais fácil para indicar se uma postagem é relevante para os interesses dos usuários". No entanto, a notícia do chefão do Instagram não foi tão bem recebida assim pela comunidade. Há diversos comentários que apontam a irrelevância da função, com pessoas pedindo por outras ferramentas, como mensagens diretas.

Por estar em fase de testes para apenas um grupo seleto de pessoas dentro da comunidade do Threads, ainda não há como dizer se a opção à lá Tinder na rede social de microblog vai realmente ser lançada e quando. Por enquanto, você pode continuar tocando no ícone de coração para curtir um post ou tocar nos três pontinhos para esconder o conteúdo da sua timeline.

Atualizações servem para animar a comunidade

Continua após a publicidade

Quando foi lançado em julho de 2023, o Threads juntou mais de 10 milhões de usuários em apenas algumas horas,  chegando a mais de 100 milhões semanas depois. No início de 2024, a quantidade de usuários ativos todos os meses, segundo a Meta, é de 130 milhões de pessoas. É provável que a Meta acreditava que pegaria uma quantidade ainda maior de fãs do Twitter depois das polêmicas envolvendo Elon Musk, mas isso não aconteceu exatamente — a rede que hoje se chama X tem mais de 330 milhões de usuários ativos em 2024 segundo o site Statista.

Sendo assim, é comum que a empresa experimente recursos para animar a sua comunidade. Em outubro do ano passado, o Facebook passou a mostrar publicações sugeridas do Threads, algo similar ao que ocorre com o Instagram. 

Além disso, a plataforma tem realizado testes diversos, que vão desde criar rascunhos até a opção de favoritar postagens. Só o futuro dirá se o Threads conseguirá o sucesso pelo qual está investindo tanto.