Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Rival do Twitter, Bluesky chega a 5 milhões de usuários

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 23 de Fevereiro de 2024 às 09h12

Link copiado!

Divulgação/Bluesky
Divulgação/Bluesky

Depois de liberar o cadastro sem a necessidade de convites, o Bluesky ultrapassou a marca de 5 milhões de usuários. A rede social de microblog anunciou a novidade através do rival X (antigo Twitter) na quinta-feira (22) e destacou os números mais recentes da plataforma, que incluem mais de 160 milhões de postagens de mais de 2 milhões de autores diferentes.

2 milhões de novos adeptos em menos de um mês

Lançado no começo de 2023, o Bluesky exigia o uso de convite para qualquer pessoa que quisesse fazer parte da plataforma. Dessa maneira, foi apenas em setembro do mesmo ano que a rede social chegou a 1 milhão de usuários, marca bastante celebrada pela empresa. Esse número dobrou dois meses depois e trouxe a estreia da versão web para oferecer mais uma opção para a comunidade.

Continua após a publicidade

Já no início de fevereiro de 2024, a plataforma fundada pelo ex-CEO do Twitter Jack Dorsey e pela especialista em redes sociais descentralizada Jay Graber anunciou que iria remover a necessidade de convites para novos membros para “descentralizar o produto”. Na época, o serviço tinha pouco mais de 3 milhões de usuários, ou seja, em questão de semanas, o Bluesky conseguiu a mesma quantidade de novos adeptos do que nos 10 primeiros meses de vida.

Na publicação no X, é possível conferir os números exatos: 5.003.244 de pessoas cadastradas até a última quinta (22), 2.373.365 autores de posts, 69,63 na contagem média de postagens e 165.25 milhões de postagens no total.

Bluesky abre as portas para servidores pessoais

Continua após a publicidade

A rede social também confirmou que abriu as portas do seu sistema federado e passará a permitir aos membros executarem seus próprios servidores, que se conectarão à rede do Bluesky. Assim, as pessoas podem hospedar seus próprios dados, contas, além de criarem suas próprias regras de funcionamento da rede.

“Quando você se registra no Bluesky, por padrão sugerimos que o Bluesky armazene seus dados. Mas se quiser permitir que outra empresa armazene, ou até mesmo armazene você mesmo, é possível fazer isso. Você também poderá mudar de ideia a qualquer momento, transferindo seus dados para outro provedor sem perder nenhuma de suas postagens, curtidas ou seguidores existentes”, afirmou a rede social no post de seu blog oficial.