Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Vingadores revelam o mais ingrato futuro que Tony Stark poderia ter

Por| 28 de Fevereiro de 2024 às 15h11

Link copiado!

Marvel
Marvel

Avengers: Twilight é uma nova minissérie que traz um futuro próximo e distópico, em que, após uma campanha desastrosa, milhões de pessoas morrem. O chamado “Dia do Herói”, ou “Dia H” se torna um marco do início de uma era sombria, em que o governo dos Estados Unidos e a população passaram a questionar a existência dos Vingadores. E, agora, a trama revela o mais ingrato destino que Tony Stark, o Homem de Ferro, poderia ter.

Atenção para spoilers de Avengers: Twilight #3!

Em Avengers: Twilight, os Maiores Heróis da Terra foram desarticulados e vivem sob o mesmo monitoramento que um governo fascista vem promovendo a todos os cidadãos norte-americanos. Steve Rogers, que estava fora da ativa, vê-se obrigado a retornar quando o filho de Tony Stark, James Stark, começa a dizer que, na verdade, o Caveira Vermelha era o herói, e não o Capitão América.

Continua após a publicidade

Em uma prévia de Avengers: Twilight #3 temos um vislumbre mais amplo do que realmente vem acontecendo. Depois que Ultron conseguiu dominar o Hulk e destruir milhões de vidas no confronto com os Vingadores no “Dia H”, o Caveira Vermelha já começou a agir rapidamente para tomar a América de assalto.

Ele sequestrou o que ainda sobrou do corpo de Tony Stark, principalmente sua mente, e a mantêm em uma instalação subterrânea de segurança do governo, conhecida como Jangada. A cabeça decepada de Tony foi revivida artificialmente por Kyle Jarvis, que finge ser parente do icônico mordomo dos Vingadores, e pelo seu próprio filho, James Stark.

James vem sendo manipulado pelo Caveira Vermelha e, possivelmente, outros vilões conhecidos, que estão disfarçados nesse governo fascista. As autoridades estão extraindo a genialidade da mente de Tony para criar sua própria armada de “Homens de Ferro”. E a parte mais ingrata vem na sequência: James, além de estar ajudando os vilões, sequer se baseou na tecnologia de seu próprio pai para criar sua versão da armadura.

Continua após a publicidade

Embora isso demonstre o nível de genialidade de James, por ter criado sua própria armadura sem a ajuda do pai, também crava de vez o futuro mais ingrato que Tony poderia ter: derrotado, sequestrado, violado, desacreditado, esquecido e abandonado pelos amigos e o próprio filho, que sequer se importou de receber o legado do pai como inventor.

Avengers: Twilight ainda está terceira edição, na metade do caminho, já que termina no número seis — então, pode esperar mais surpresas à frente.