Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Minizinha Chip: como funciona a maquininha de cartão do PagSeguro

Por| 17 de Novembro de 2018 às 12h15

Link copiado!

Minizinha Chip: como funciona a maquininha de cartão do PagSeguro
Minizinha Chip: como funciona a maquininha de cartão do PagSeguro
Tudo sobre UOL

Depois de lançar a Minizinha, um leitor de cartões compacto e com grande número de cartões aceitos, o PagSeguro lançou a Minizinha Chip, que é basicamente o mesmo modelo só que um pouco mais independente. Assim como a sua irmã, a versão com chip elimina custos fixos como aluguel ou taxa de adesão, e traz 5 anos de garantia.

A Minizinha Chip tem inúmeras similaridades com a Minizinha original. Ela pesa cerca de 110 gramas, mas tem bateria com duração de 8 horas. Comparando-a com a Minizinha (sem chip), o modelo tem 88g e bateria de 4 horas.

Já no cadastro de compra da Minizinha Chip, você perceberá que ela pode ser solicitada por pessoas físicas quanto jurídicas, e dados básicos (CPF ou CNPJ) são necessários. O PagSeguro não realiza análise de crédito neste momento.

  • Você pode adquirir sua Minizinha Chip aqui
Continua após a publicidade

Como usar a Minizinha Chip

Como grande diferencial, a Minizinha Chip conta com suporte a um chip de rede com acesso à internet (GPRS), fazendo com que ela não fique 100% atrelada ao seu smartphone. Ela também vem com suporte para conexões Wi-Fi.

Ainda assim, para configurar a máquina você vai precisar de um smartphone. O processo é feito no aplicativo PagSeguro Vendas (Android e iOS), onde você precisará realizar o pareamento do dispositivo.

No momento das vendas, depois que a máquina já estiver configurada, você vai precisar apenas dela. No entanto, assim como acontece com a Minizinha, ela não imprime nenhum documento, logo os recibos podem ser enviados via SMS ou por e-mail aos seus clientes.

Mais uma similaridade está na quantidade de bandeiras e cartões aceitos. Isto faz com que a Minizinha Chip seja tão versátil quanto os modelos mais caros, embora sua estrutura seja mais simples e ela traga menos recursos. Ainda assim, estes são os cartões aceitos:

  • Débito: Maestro, Visa Electron, Elo, Banri Compras, Cabal Débito;
  • Crédito: MasterCard, Visa, Elo, Hipercard, Hiper, Cabal, American Express, Diners;
  • Voucher/Refeição: Alelo, Sodexo, Ticket, VR.

É preciso lembrar, também, que transações com cartões American Express e Diners Club são feitas pelo aplicativo, que é a única forma de realizar transações com a tarja magnética, já que a Minizinha Chip só aceita cartões com chip (diretamente).

Continua após a publicidade

Uma boa nota sobre a Minizinha Chip é que você também não precisa, necessariamente, ter uma conta bancária atrelada à do PagSeguro. Com o cadastro feito na plataforma no momento de solicitação da maquininha, você também preenche dados para criar a Conta Virtual. O PagSeguro também fornece, gratuitamente, um cartão pré-pago (Mastercard).

A Conta Virtual do PagSeguro oferece serviços de transferência de dinheiro, recarga de celular, transferência e solicitação de empréstimos (este, no caso, precisa de aprovação) e mais.

Taxas e pagamentos

Continua após a publicidade

As taxas aplicadas para a Minizinha Chip são unificadas pelo PagSeguro, logo elas são as mesmas da Minizinha propriamente dita e de outros modelos da mesma empresa. Sendo assim, ela também participa do período promocional de três meses que oferece taxa de 0% para vendas à vista no débito ou crédito.

Sobre o período promocional, é importante ter em mente que se o valor de R$ 1.500 (em vendas) for atingido, a conversão é alterada para as tarifas comuns.

Para vendas (à vista) no débito: a taxa é de 1,99% por 1 ano, e após o período ela é substituída por uma taxa de 2,39%, considerando o recebimento do dinheiro na Conta Digital em 1 dia.

Para vendas (à vista) no crédito: a taxa pode ser alterada de acordo com a modalidade e do tipo de cartão. Para o recebimento do saldo em 30 dias, a taxa é de 3,19% (transação com chip) ou 3,59% (transação com tarja). No caso do parcelamento no crédito, as taxas mudam para 3,79% (no chip) ou 4,99% (na tarja), com o acréscimo de 2,99% ao mês -- seguindo a quantidade de parcelas.

Continua após a publicidade

No site do PagSeguro, há uma página para simulações de vendas onde é possível conferir as taxas de acordo com valores específicos. No aplicativo da empresa, inclusive, os proprietários da Minizinha Chip contam com uma calculadora mais completa e disponível no smartphone.

No entanto, ainda é importante ressaltar que o saldo das suas vendas é transferido primeiro para a Conta Virtual do PagSeguro, e então você precisará solicitar a transferência para a sua conta bancária (corrente ou poupança), ou se preferir para o cartão pré-pago.

Para quem a PagSeguro Minizinha Chip é?

Continua após a publicidade

Seguindo a premissa da Minizinha, esta versão com Chip se mostra mais versátil na questão de realizar vendas práticas com cartão de crédito, débito, e também para transações com cartões internacionais ou refeição.

Estabelecimentos pequenos, com volume mais baixo de vendas neste formato, podem ser beneficiados com a Minizinha Chip. Ela também é compatível com conexões móveis ou Wi-Fi, o que elimina o seu smartphone na hora das vendas, já que as informações são legíveis no display.