Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Galaxy S23 Ultra x S22 Ultra: a câmera evoluiu de verdade?

Por| Editado por Léo Müller | 17 de Fevereiro de 2023 às 10h10

Link copiado!

Felipe Junqueira/Canaltech
Felipe Junqueira/Canaltech

A câmera do Galaxy S23 Ultra tem resolução ainda maior que a do seu antecessor S22 Ultra. Por outro lado, as selfies estão menores, enquanto o restante dos sensores, aparentemente, não receberam nenhuma novidade.

Eu saí com os dois celulares da Samsung para comparar a capacidade de suas câmeras. Testei os cinco sensores em diferentes cenários, além de gravar alguns vídeos em diferentes resoluções para ver se há alguma evolução real de uma geração para a outra.

Vamos ao comparativo de câmeras do Galaxy S23 Ultra com o Galaxy S22 Ultra para descobrir o que mudou.

Continua após a publicidade

Câmera principal

Esta é a única câmera do Galaxy S23 Ultra que tem mudança em resolução. A principal de 200 MP substitui a de 108 MP do S22 Ultra. Em teoria, há uma melhoria na definição das imagens, que agora podem ter muito mais pixels ou juntar mais pixels em um ainda maior.

Falando em impressão dos resultados finais, eu notei uma diferença na distância focal. O Galaxy S23 Ultra parece manter o foco em objetos de diferentes distâncias, enquanto o S22 Ultra dá uma preferência ao que está mais próximo do objeto principal da imagem.

Continua após a publicidade

A faixa dinâmica também parece um pouco melhor no modelo mais recente, e as cores estão ainda mais precisas. Em ambientes com pouca luz, o S23 Ultra consegue deixar a cena mais realista, sem exagerar na claridade. O antecessor ilumina mais de maneira artificial, dando impressão de estar mais claro.

Resumindo, a câmera do Galaxy S23 está ainda melhor que a do S22 Ultra, que já era incrível. Melhorou em todos os aspectos, ao menos dentro dos vários cenários que eu pude experimentar os dois aparelhos.

Câmera ultrawide

A câmera ultrawide, que oferece campo de visão mais amplo, não tem nenhuma alteração na ficha técnica do Galaxy S22 Ultra para o S23 Ultra. Ainda é um sensor de 12 MP com abertura f/2.2 e autofoco, e a função macro está presente nesta câmera.

Continua após a publicidade

Falando nas fotos, a mudança mais nítida entre os cenários que eu testei está na faixa dinâmica. O Galaxy S23 Ultra consegue captar mais detalhes nas áreas escuras, principalmente, sem tornar a imagem artificial — ou seja, mantém as sombras, como nosso olho enxerga a cena real.

Tecnicamente, as fotos do modelo mais novo estão ainda melhores que as do antecessor. O Galaxy S22 Ultra tinha uma boa ultrawide, mas era claro que ainda faltava um cuidado maior para evitar tremidas e aumentar o nível de detalhes e a faixa dinâmica.

Quanto às texturas, não senti nenhuma diferença entre os dois modelos. Você pode sentir que o S23 Ultra tem um nível um pouco maior, mas é mais por conta dos detalhes trazidos pela faixa dinâmica maior do que uma mudança real.

Continua após a publicidade

Câmera zoom

O Galaxy S23 Ultra tem duas câmeras de aproximação, e ambas tiram fotos melhores que alguns celulares mais baratos. O mesmo vale para o seu antecessor, já que a qualidade melhorou, mas não a ponto de ser perceptível sem uma observação mais cuidadosa.

Olhando bem de perto, a minha impressão é que melhoraram todos os pontos: a faixa dinâmica está maior, aumentou o nível de texturas e as cores estão mais precisas e próximas da principal. A quantidade de ruídos também diminuiu bastante, especialmente em cenários com pouca luz.

Continua após a publicidade

O sensor de zoom óptico de 10x, que tem abertura bem menor que todas as outras câmeras do Galaxy S23 Ultra, tem qualidade bastante próxima do sensor de 3x. Ambos estão muito bons, apesar de ainda um pouco abaixo da principal, até por conta da resolução e abertura inferiores.

E olha que elas já eram um dos destaques do Galaxy S22 Ultra em comparação com os principais concorrentes. E é um dos maiores avanços na câmera do Galaxy S23 Ultra.

Fotos noturnas

A chamada ‘Nightography’ avançou bem desde o lançamento do Galaxy S22 Ultra. O que já havia mostrado um avanço em atualização no segundo semestre de 2022, trouxe ainda mais com este novo celular da Samsung lançado no começo de 2023.

Continua após a publicidade

O sensor de 200 MP por si já consegue trazer um bom avanço, sem precisar de tanto software por trás. A Samsung junta ainda mais pixels desta nova câmera para formar pontos maiores, aumentando a sensibilidade à luz e, consequentemente, trazendo mais detalhes e menos ruídos.

Mas eu vi melhoria também nas câmeras de aproximação. A quantidade de ruídos ficou bem menor, com uma qualidade mais próxima do sensor principal. Claro que ainda há uma boa distância, até por conta de diferenças de resolução e abertura. Mas as fotos noturnas com zoom estão incrivelmente melhores no novo Galaxy S23 Ultra.

No geral, as fotos noturnas estão mais naturais. Não há um aumento tão artificial da claridade, e até as cores estão um pouco mais precisas, próximas do que nosso olho enxerga ao vivo.

Continua após a publicidade

Câmera frontal

A Samsung trocou o sensor de selfies de 40 MP por uma de 12 MP. Ou seja, a câmera do Galaxy S23 Ultra tem resolução menor na frontal do que o S22 Ultra. Mas nem por isso as selfies ficaram piores, pelo contrário.

Dá para notar que o nível de texturas está bem maior, bem como a faixa dinâmica. A foto parece menos clara no S23 Ultra, mas a quantidade de detalhes é bem maior no novo modelo. Além disso, as cores ficaram mais precisas.

Continua após a publicidade

Inclusive, você pode escolher entre o tom de pele mais natural ou quente no S23 Ultra. O antecessor escondia um pouco estas opções, e oferecia um tom natural ou claro.

As selfies noturnas também estão ainda melhores pela câmera do Galaxy S23 Ultra. Há mais texturas, menos ruídos e um registro mais fiel do cenário.

Vídeos

Continua após a publicidade

A câmera do Galaxy S23 Ultra consegue filmar em 8K com 30 quadros por segundo, um aumento dos 24 qps do antecessor. A estabilização está incrivelmente melhor, especialmente no 4K e resoluções inferiores.

Ambos filmam bem com pouca luz, mas dá para notar que o S22 Ultra ficou um pouco abaixo de seu sucessor.

Vídeo do Galaxy S23 Ultra em 4k@60fps

Continua após a publicidade

Vídeo do Galaxy S22 Ultra em 4k@60fps

Câmera do Galaxy S23 Ultra evoluiu ou está igual à do S22 Ultra?

Há uma clara evolução na câmera do Galaxy S23 Ultra quando comparamos com seu antecessor. O S22 Ultra ainda é um dos melhores celulares do mercado para fotos e vídeos, mas é bom ver que seu sucessor traz novidades, e não apenas alguns pequenos truques para tentar atrair os desavisados.

Ou seja, se por um lado é verdade que, no geral, a faixa dinâmica e as texturas melhoraram, as cores estão mais precisas e a quantidade de ruídos diminuiu, por outro também é verdade que o S22 Ultra ainda é excelente. Trocar um pelo outro não me parece justificável só por conta disso.

Agora, se você quer a melhor câmera que um celular pode oferecer atualmente, o Galaxy S23 Ultra tem que estar entre as suas opções. É o smartphone mais completo para fotos e vídeos, e tem poucas falhas. Para fazer imagens semiprofissionais, é talvez a melhor opção para quem precisa de vários cenários diferentes.