Cópias falsas de Tenet são usadas para roubar dados e instalar malwares

Cópias falsas de Tenet são usadas para roubar dados e instalar malwares

Por Felipe Demartini | 31 de Agosto de 2020 às 10h17
Warner Bros.

Após múltiplos adiamentos devido à pandemia do novo coronavírus, o filme Tenet finalmente estreou em alguns países do mundo neste final de semana. A recusa do diretor Christopher Nolan em apostar no streaming para lançar o longa levou a uma longa espera que, agora, acabou em países como Austrália, Canadá, França, Reino Unido e Coreia do Sul, entre outros. Na internet, enquanto alguns países permanecem aguardando, criminosos aproveitam a antecipação para roubar dados e instalar malwares utilizando cópias falsas da produção.

O longa estreou entre quinta (27) e sexta (28) na maioria das salas, mas vazou na internet somente neste domingo (30). Antes mesmo disso, entretanto, grandes serviços de torrent como o The Pirate Bay, por exemplo, já traziam versões falsas do longa, criadas para enganar usuários incautos e, principalmente, inocentes, com reportagem do site TorrentFreak apontando que situações atípicas como a de Tenet são, justamente, a isca perfeita para os criminosos pegarem aqueles que não estão acostumados com as dinâmicas dos downloads irregulares.

Segundo os testes feitos pela reportagem, nenhuma das cópias disponíveis neste final de semana no The Pirate Bay, e já retiradas do ar pela moderação do site, trazia um instalador de malware. Nenhuma delas, porém, trazia o filme, e todas usavam artimanhas para levar os usuários a sites maliciosos que tentavam roubar dados ou exibiam anúncios em sequência, com a renda sendo revertida aos criminosos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Uma das versões baixadas, por exemplo, trazia um arquivo de vídeo com uma única imagem, que pedia aos espectadores que lessem um arquivo em anexo. No texto, os utilizadores eram levados a um site malicioso no qual dados de cartão de crédito eram pedidos para “validação” antes de liberar um download que, claro, não existia. Em outro, sequências de anúncios pornográficos são mostrados na tela, sem que exista um link para baixar o filme.

Redes de computadores são usadas para dar aparência de legitimidade a tais torrents e manter a disponibilidade dos arquivos pelo tempo que durar o hype. O mesmo também vale para as próprias vítimas, ainda que o tempo, aqui, seja curto — a ideia é que eles manteriam os dados apenas pelo tempo necessário para descobrirem a farsa, algo que, em um longa tão buscado quanto Tenet, ainda assim significa um pouco de ajuda para que arquivos maliciosos dessa categoria sigam seu caminho.

A detecção de tais tentativas de golpes, claro, é rápida, principalmente para quem entende os formatos e especificidades dos torrents. As cópias falsas de Tenet, por exemplo, traziam a indicação de um filme obtido a partir de cópias digitais de serviços de streaming ou em Blu-Ray, e como dito, ele não foi lançado em nenhum destes dois formatos. Além disso, comentários logo começam a aparecer sobre o caráter do arquivo baixado, o que também ajuda a flagrar a existência do golpe.

Auxiliou, ainda segundo o TorrentFreak, o pedido da Warner Bros. para que as cópias piratas fossem retiradas do ar (e com ela, muitas das falsificadas também se foram, apenas por se encaixarem nos critérios de remoção). Medidas desse tipo, entretanto, não duram muito tempo, como se sabe; no momento em que esta reportagem é escrita, duas versões podem ser encontradas no The Pirate Bay, ambas legítimas e filmadas por espectadores diretamente da tela dos cinemas em que Tenet está sendo exibido.

No Brasil, o longa tem lançamento marcado para o dia 10 de setembro. O filme de Nolan tem John David Washington, Robert Pattinson, Elizabeth Debicki e Kenneth Branagh no elenco.

Fonte: TorrentFreak

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.