Ações da Tesla perdem US$ 126 bi em valor de mercado após Musk comprar Twitter

Ações da Tesla perdem US$ 126 bi em valor de mercado após Musk comprar Twitter

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 27 de Abril de 2022 às 19h20
Reprodução/Steve Jurvetson/Wikimedia Commons

As ações da Tesla, empresa de Elon Musk do setor de carros elétricos, perderam US$ 126 bilhões (R$ 629 bilhões) em valor de mercado nesta terça-feira (26), de acordo com a consultoria especializada Economatica. A queda de 12,18% aconteceu um dia útil após Musk chegar a um acordo para adquirir a rede social Twitter.

Após a desvalorização, a montadora manteve um valor de mercado de US$ 907 bilhões (R$ 4,5 trilhões). Se considerarmos o período desde 4 de abril, data do anúncio da participação de Musk no capital do Twitter, a Tesla desvalorizou cerca de 23%, ou uma perda de US$ 275 bilhões (R$ 1,3 trilhão). Como Musk é dono de 17% das ações da empresa, ele teria perdido mais de US$ 40 bilhões (R$ 199 bilhões), segundo a Bloomberg.

Parte da queda é justificada pelas preocupações de investidores da Tesla com a compra do Twitter. Para realizar o negócio, Musk garantiu US$ 25,5 bilhões (R$ 127,4 bilhões) em comprometimento de dívidas, incluindo US$ 12,5 bilhões (R$ 62,4 bilhões) em empréstimos com suas ações da Tesla. O acordo também inclui US$ 21 bilhões (R$ 104 bilhões) em patrimônio líquido. Além disso, os investidores temem que o empresário divida sua atenção entre as gestões da Tesla e do Twitter.

Investidores da Tesla se mostram preocupados com a compra do Twitter (Imagem: Reprodução/Dario X/Unsplash)

Ainda assim, a Tesla se manteve como a quinta maior empresa em valor de mercado na Bolsa Nasdaq, de acordo com a Economatica. A montadora está atrás apenas de Apple, Microsoft, Alphabet (holding do Google) e Amazon. Além disso, as ações das fabricantes de veículos elétricos Rivian e Lucid também fecharam em baixa de 9,5% e 8,7%, respectivamente.

O Twitter anunciou nesta segunda-feira (25) que fechou o acordo para ser adquirido pelo bilionário Elon Musk. Ele comprou todas as ações da empresa ao preço unitário de US$ 54,20 (R$ 253,21) em uma transação avaliada em cerca de US$ 44 bilhões (R$ 205,5 bilhões). Após a conclusão do negócio, o fundador da Tesla e da SpaceX transformará a rede social em uma empresa privada.

Fonte: G1, CNBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.