Coronavírus | Samsung fecha temporariamente fábrica em Manaus

Por Diego Sousa | 24 de Março de 2020 às 10h49
Reprodução
Tudo sobre

Samsung

Saiba tudo sobre Samsung

Ver mais

Seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) para barrar a disseminação do novo coronavírus (SARS-CoV-2), a Samsung anunciou, nesta terça-feira (24), que está encerrando temporariamente a produção de eletrodomésticos e celulares na sua fábrica em Manaus (AM), na região norte do Brasil.

A Samsung já vinha sofrendo as consequências da COVID-19 no resto do mundo desde o início de fevereiro, principalmente na China e na Coreia do Sul, quando foi obrigada a fechar suas fábricas para assegurar a segurança dos funcionários. Isso teve impacto direto na produção de celulares aqui no Brasil, que sofreu por falta de componentes importados.

Segundo a empresa, a medida preventiva tem duração até domingo, dia 29 de março, e não inclui a segunda instalação, localizada em Campinas, no estado de São Paulo. Ela continuará funcionando normalmente, mas os funcionários do setor de vendas e marketing receberam ordens para trabalharem em casa (home office). Em fevereiro, a Samsung já havia anunciado uma "folga coletiva" de três dias.

País estratégico

O Brasil é um país estratégico para a Samsung, sendo o maior mercado da América Latina. Além disso, a sul-coreana tem visto uma demanda crescente por smartphones, eletrodomésticos inteligentes e TVs no país. O crescimento fez até com que o herdeiro da Samsung, Lee Jae-Yong, visitasse as fábricas locais no começo do ano.

Em nota enviada ao Canaltech, a Samsung Brasil confirmou o fechamento temporário da fábrica como medida de precaução para impedir a propagação do coronavírus. Além do pessoal de comunicação, o funcionários do Centro de P&D em Campinas já estão de home office desde o dia 23 de março.

Confira a nota na íntegra:

Para a Samsung, a saúde e a segurança de nossos colaboradores são nossa maior prioridade e, como medida de precaução, estamos fechando a fábrica de Manaus de 24 a 29 de março.

Além disso, os funcionários do nosso escritório em São Paulo e do nosso Centro de P&D em Campinas já estão trabalhando em casa desde 23 de março, uma decisão tomada para impedir a propagação do coronavírus. A empresa está monitorando continuamente a situação do COVID-19 e continua comprometida com o bem-estar de todos.

A Samsung reforça que segue todas as diretrizes de prevenção da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde do país e de outras autoridades locais. Também enfatiza que está comprometida em garantir o bem-estar de seus funcionários.

Casos de COVID-19 no Brasil preocupam

De acordo com novo boletim oficial divulgado pelo Ministério da Saúde na última segunda-feira (24), o Brasil soma 1.891 pessoas infectadas por COVID-19 e 34 óbitos. Atualmente, todos os estados brasileiros e o Distrito Federal possuem casos confirmados, porém somente os estados do Rio de Janeiro e São Paulo têm óbitos, sendo quatro e 30, respectivamente.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.