Desenvolvedores da Python lançam 3 novas versões da linguagem de programação

Desenvolvedores da Python lançam 3 novas versões da linguagem de programação

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Claudio Yuge | 18 de Janeiro de 2022 às 17h00
Shahadat Rahman/Unsplash

Janeiro de 2022 começa com boas novidades para os desenvolvedores de programas, em especial os que usam a linguagem Python, com três novas versões da linguagem sendo disponibilizadas para o público.

Na última sexta-feira (14), o Python Software Foundation (PSF) lançou novas versões para o Python 3.9, 3.10 e uma prévia de uma nova distribuição da 3.11. Segundo a postagem oficial da empresa,a disponibilização estava prevista para o começo do mês, mas por conta de alguns problemas, acabou sendo atrasada em alguns dias.

Um dos problemas encontrados, segundo os desenvolvedores, foi o processo mais complexo do que o esperado para renovação do certificado de código da linguagem. Sem ele, novas versões não podem ser lançadas para o Windows, o que fez com que a PSF inicialmente só disponibilizasse versões com instaladores para Mac e Linux.

A 3.10.2 é o lançamento completo mais recente do Python, enquanto a 3.9.10 é focada em desenvolvedores que querem compatibilidade com versões legado da linguagem, como a 2.0. Por fim, a 3.11.0a4 é uma prévia que mostra um pouco do futuro da linguagem.

A versão 3.10.a, em especial, foi lançada para corrigir um problema de vazamento de memória quando desenvolvedores usavam uma função do Python chamada Cython, usada para facilitar a escrita de extensões em C compatíveis com a linguagem — algo muito utilizado no dia a dia dos programadores.

Novas versões do Python trazem novidades para desenvolvedores. (Imagem: Reprodução/Johnson Martin/Pixabay)

Já a versão 3.11.0a4 é a quarta de sete lançamentos em alpha previsto para essa nova versão do Python, que conta com velocidade de execução 19% maior que as versões 3.10, além de contar com desenvolvimento conjunto entre o criador da Lingua, Guido van Rossum, e da Microsoft, que agora o emprega.

Por fim, a versão 3.9.10, traz mais de 130 novos commits dentro da linguagem, possibilitando novas migrações e transações entre informações de bases de dados, e também traz compatibilidade com computadores Mac que tenham processadores feitos pela própria Apple, além de manter o funcionamento com os modelos anteriores que utilizavam chips Intel.

Problema do certificado será resolvido em breve

No anúncio oficial das novas versões, o Python Software Foundation explica ainda que estão correndo para resolver o problema com a renovação do certificado de código, para poder disponibilizar as atualizações para sistemas Windows.

Segundo a postagem, eles esperam ter resolvido esse problema ainda na semana de 21 de janeiro. Mais informações estão disponíveis no site oficial do Python.

Fonte: ZDNET

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.