Publicidade

Afinal, o que é um CEO?

Por| Editado por Claudio Yuge | 17 de Fevereiro de 2023 às 19h00

Link copiado!

senivpetro/Freepik
senivpetro/Freepik

Ao acompanhar notícias do mundo de negócios, startups, dentre as mais diversas empresas, você já deve ter se deparado com alguns CEOs. A sigla ganhou muita notoriedade nos últimos anos, se tornando o termo mais famoso no mercado corporativo. Mas, afinal, o que é um CEO? Qual sua função? Confira as respostas para essas e outras perguntas, a seguir;

O que é CEO?

A sigla CEO vem do termo em inglês Chief Executive Officer, que significa Diretor Executivo. O cargo é considerado a maior autoridade na hierarquia operacional de uma organização. Sua função pode variar conforme o tamanho, tipo e estrutura da empresa, mas está ligada à estratégia e visão de negócio.

Continua após a publicidade

Além de atender às necessidades de funcionários, clientes e investidores, o CEO deve harmonizar operações que incluem gestão de recursos, imagem da empresa e comunicação, conectando o lado operacional e administrativo. Devido às altas demandas, o cargo é mais comum em grandes corporativas e multinacionais, sendo ocupado por um profissional de nível sênior.

Quais são as habilidades necessárias para ser um CEO?

Considerando as funções de um diretor-executivo — que incluem a missão e os objetivos da empresa, cultura organizacional, planejamento estratégico, se relacionar com o público externo e muito mais — este profissional deve apresentar uma série de habilidades para cumprir as demandas da empresa. Algumas das principais são:

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia
  • Ter uma visão ampla do negócio, conhecendo todos os setores, etapas operacionais e a cultura da empresa de maneira profunda;
  • Saber se comunicar, visto que o CEO é o porta-voz da empresa;
  • Ter inteligência emocional, pois o cargo pode exigir muito, sendo preciso saber balancear a vida pessoal e profissional;
  • Ter uma mente aberta para novas propostas e coragem para arriscar;
  • Ter organização e resiliência, para lidar com os imprevistos e possíveis falhas.

Toda empresa tem CEO?

Vale ressaltar que nem toda empresa possui um CEO. Este cargo é mais utilizado para grandes empresas que precisam de mais atenção na gestão das operações. Empresas de pequeno e médio porte possuem um diretor-geral, no lugar do diretor-executivo (CEO).

O que são cargos C-Level?

Continua após a publicidade

Os cargos C-Level representam os executivos mais influentes em uma organização. Basicamente eles são os diretores (chief) responsáveis por cada uma das principais áreas que compõem uma empresa, como marketing (CMO), finanças (CFO), informação e tecnologia (CTO), entre outras. Todos os executivos C-Level são gerenciados pelo diretor-executivo (CEO).

CEO é sempre o fundador da empresa ou pode ser escolhido?

O CEO não precisa ser o fundador da empresa, podendo ser escolhido pelo conselho administrativo da organização. Inclusive, o embate entre fundador e CEO tem vários exemplos ao longo da história. O fundador da Apple, Steve Jobs, foi demitido em 1985 por conflitos de ideias com John Sculley, CEO na época. Jobs voltou para a empresa somente em 1997, desta vez, como diretor-executivo.

Continua após a publicidade

Um dos fundadores do Twitter, Jack Dorsey, foi demitido do cargo de CEO pelo conselho administrativo por mau comportamento. Testemunhas alegam que ele era "irresponsável" e perdia muito tempo em festas. Dorsey só voltou ao comando da rede social em 2015.

E por falar em Twitter, Elon Musk foi considerado "CEO de meio-período", por ocupar o cargo de CEO na SpaceX, Tesla e Twitter. Fora as outras seis empresas em que ele é cofundador e presidente. Acionistas da Tesla processaram o bilionário sul-africano por não estar cumprindo seu papel de diretor-executivo na montadora de carros elétricos, perdendo muito tempo com os problemas da rede social.