Samsung deve mudar software do S4 para aumentar espaço de armazenamento

Por Redação | 16.05.2013 às 16:03 - atualizado em 17.05.2013 às 12:39

Depois de muitas reclamações dos consumidores, a Samsung decidiu melhorar o software do recém-lançado Galaxy S4 para diminuir seu tamanho e, assim, ampliar o espaço livre para armazenamento de dados dos usuários. A empresa irá tentar reduzir o espaço consumido pelo TouchWiz e outros itens usados na instalação do Android.

Segundo o Electronista, mesmo a companhia sul-coreana não sendo a única que utiliza grande parte da memória interna do aparelho com seu próprio software, ela é considerada a mais agressiva do mercado. Para ter uma ideia, o HTC One com 16GB de memória tem seu software ocupando 7.14GB do montante, enquanto a Apple conseguiu fazer com que seu sistema ocupe apenas 3.5GB do total de 16GB. Já a Samsung deixa apenas 8.82GB disponíveis para os usuários no Galaxy S4 com 16GB. A vantagem do aparelho sobre os concorrentes apresentados acima é a possibilidade de expansão de sua memória com o auxílio de um cartão microSD.

"Nós agradecemos que esta questão foi levantada e vamos melhorar nossas comunicações. Além disso, estamos revendo a possibilidade de garantir mais espaço de memória por meio da otimização do software", afirmou um porta-voz da companhia em nota enviada ao site CNET. "A Samsung está empenhada em ouvir os clientes e responder às suas necessidades, como parte do nosso processo de inovação".

O Google apresentou nesta quarta-feira (15) durante a Google I/O um Samsung Galaxy S4 rodando a versão pura do Android. Diferentemente da versão disponível no mercado, o aparelho não traz as alterações de software feitas pelo fabricante. O S4 apresentado possui uma interface semelhante ao Nexus e a nova versão deverá chegar aos Estados Unidos no dia 26 de junho por US$ 649 (cerca de R$ 1.300).