Herdeiro da Samsung está em foco após pai ser hospitalizado

Por Redação | 14 de Maio de 2014 às 12h28

Após o presidente da Samsung, Lee Kun-Hee, ser hospitalizado por conta de um ataque cardíaco esta semana, começaram a surgir especulações sobre o futuro da empresa, que sozinha é responsável por mais de um quarto do PIB da Coreia do Sul. E, ao que tudo indica, o executivo de 72 anos será sucedido por seu único filho, Jay Y. Lee, de 45 anos.

De acordo com a Reuters, Jay vem sendo preparado para assumir o cargo de seu pai há anos e em 2012 se tornou vice-presidente da empresa. "[Nosso] Vice-presidente é um pensador estratégico e muito firme", declarou um executivo da Samsung que não quis se identificar. "Ele tem feito coisas que executivos seniores não conseguem resolver sozinhos com facilidade. Por exemplo, ele passa bastante tempo em encontros com clientes importantes e então consegue firmar acordos que pareceriam quase impossíveis".

Fluente em japonês e inglês, Jay Lee foi apelidado de "Príncipe Herdeiro" pela mídia local e se tornou a face pública da Samsung nos últimos anos. Quando o CEO do Google Larry Page visitou a Coreia do Sul no ano passado, por exemplo, Lee foi um dos primeiros a encontrá-lo. Eles visitaram as instalações da Samsung e Page viu demonstrações de algumas das últimas tecnologias em desenvolvimento pela sul-coreana, incluindo telas flexíveis que poderiam ser adaptadas aos aparelhos vestíveis do Google. As duas empresas não firmaram um contrato sobre essas tecnologias, mas já concordaram em patentes globais conjuntas para fazer frente à Apple.

"Nós nos beneficiamos significativamente com suas habilidades de firmar acordos e de tomar decisões estratégicas. Ele tem feito muito mais do que pessoas fora da Samsung poderiam pensar. Ele aprendeu por anos com o presidente e já está profundamente envolvido com as operações diárias", disse o executivo não identificado.

Jay Lee - Vice-presidente da Samsung

Jay Lee, vice-presidente e herdeiro da Samsung. Créditos: Reuters/Rick Wilking

Jay Lee não se expõe muito na mídia e pouco se sabe dele fora de sua relação com a Samsung. Ele possui um diploma em História da Ásia Oriental da Universidade Nacional de Seul, um MBA da Universidade de Keio, no Japão, e um doutorado em administração de negócios em Harvard, nos Estados Unidos. Sua carreira na Samsung iniciou em 1991.

Enquanto críticos dizem que Lee não tem a experiência necessária para um cargo tão alto nem o carisma de seu pai, executivos que já trabalharam com ele elogiam sua determinação e compromisso com o trabalho. "Ele é muito inteligente e pensa fora da caixa", disse um deles.

A Samsung foi fundada em 1938 pelo avô de Jay Lee, Lee Byung-chul, e esteve sob comando da família desde então.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.