Apple anuncia mudança de Diretor Financeiro para setembro

Por Redação | 05 de Março de 2014 às 17h57

A Apple anunciou na terça-feira (4) que o executivo italiano Luca Maestri substituirá o atual Diretor Financeiro (CFO) da empresa, Peter Oppenheimer, que se aposentará em setembro deste ano. De acordo com a companhia, Luca assumirá o cargo já em junho e atuará em conjunto com Oppenheimer durante a transição.

Na Apple desde 2013, o executivo nascido em Roma atua no setor há cerca de 25 anos e já ocupou a posição de CFO em empresas como a Nokia Siemens Networks e a Xerox. O executivo também atuou na mesma posição para as operações no Brasil e Argentina da GM, onde foi responsável por retomar a lucratividade das regiões.

"Quando estávamos recrutando um controlador para a empresa, encontramos Luca e vimos na hora que ele iria se tornar o sucessor de Peter", escreveu no anúncio o CEO da Apple, Tim Cook.

O executivo assume a posição em um momento que investidores pressionam cada vez mais a Apple por mais investimentos que movimentem sua economia de US$ 171 bilhões. Nos últimos meses, grandes rivais da área de tecnologia, como o Google e o Facebook, anunciaram aquisições de alta tecnologia para seus ecossistemas, o que levantou preocupações nos acionistas quanto ao conservadorismo da Apple. De acordo com Cook, a Apple deve atualizar os acionistas sobre a estratégia que adotará para 2014 no mês de abril.

A expectativa é que Maestri não traga mudanças radicais na estratégia de mercado da empresa, mas lide com a pressão crescente da expectativa sobre qual será o próximo lançamento "blockbuster" da Apple.

Nos últimos anos, a empresa tem anunciado atualizações pouco revolucionárias de seus dispositivos mais populares, o iPhone e o iPad. A expectativa do mercado é que 2014 seja o ano no qual a Apple volte ao destaque de empresa inovadora com algum produto revolucionário.

Na empresa desde 1996, Oppenheimer assumiu a posição de CFO da Apple em 2003 e viu a companhia expandir seu capital de US$8 bilhões para os atuais US$ 171 bilhões no período. Na última segunda-feira (3), o executivo anunciou que passará a integrar o conselho do banco Goldman Sachs no setor de auditoria da empresa.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.