Revelado o motivo de o Linux 4.20 diminuir a performance de alguns computadores

Por Rafael Rodrigues da Silva | 16 de Novembro de 2018 às 23h20

Alguns usuários do Linux 4.20 estão se deparando com um problema nada animador: a versão mais atualizada do sistema operacional tem feito com que alguns computadores tenham uma enorme perda de performance, se comparada com a apresentada na versão 4.19 do sistema.

Exclusivo para máquinas que utilizam processadores Intel, o site Phoronix parece ter descoberto o motivo da queda na performance: uma mudança na segurança do Spectre.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Segundo teste Open MP do Rodinia Scientific, um i9 no Linux 4.20 tem performance cerca de 30% pior do que rodando o 4.19 (Imagem: Phoronix)

O Spectre é uma falha comum em sistemas Linux, que afeta processadores da Intel, IBM, AMD, ARM e MIPS, e que pode ser utilizado por hackers para invadir uma máquina e ter acesso computador como administrador.

Para melhorar a segurança e evitar o aparecimento de falhas Spectre, a versão 4.20 do Linux faz uma modificação no STIBP (Single Thread Indirect Branch Predictors), feita para prevenir que algum aplicativo malicioso possa tomar o controle dos branch predictors indiretos da máquina.

Apesar de afetar apenas alguns processadores específicos (é preciso que a máquina utilize um processador Intel com microcódigo atualizado e a Hyper Threading da CPU habilitada), a perda de performance pode ser de até 30% em alguns processos. Então, caso você utilize uma máquina com esse processador, o recomendável é continuar utilizando a versão 4.19 do Linux até que o problema seja solucionado.

Fonte: Phoronix

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.