iOS 14.5 vai deixar usuários decidirem se apps podem rastrear seus dados ou não

iOS 14.5 vai deixar usuários decidirem se apps podem rastrear seus dados ou não

Por Diego Sousa | 29 de Janeiro de 2021 às 13h25
Reprodução/Mobilesyrup

Anunciado em junho de 2020 junto ao iOS 14, o recurso App Tracking Transparency, que basicamente força os aplicativos a conseguirem a permissão do usuário antes de rastrear seus dados e atividades, será lançado já "na próxima atualização beta do iOS", confirmou a Apple nesta quinta-feira (28).

De acordo com a empresa, o plano é disponibilizar a ferramenta de privacidade em março deste ano, acompanhando as futuras versões do iOS 14, iPadOS 14 e tvOS 14. Durante o WWDC 2020, a Apple havia confirmado que a função não seria posta em prática até 2021 para dar tempo aos desenvolvedores fazerem as mudanças necessárias.

Com o App Tracking Transparency, que pode ser traduzido para "Transparência de rastreamento de aplicativos", o usuário será alertado com uma mensagem assim que abrir um aplicativo que pode rastrear sua atividade e coletar dados para enviar para outras empresas — por exemplo, quando você pesquisa sobre casas no Facebook e depois aparecem diversos anúncios do mesmo assunto na timeline.

(Imagem: Reprodução/Apple)

Assim, o usuário terá mais controle sobre seus dados e privacidade, podendo liberar ou negar o acesso desses aplicativos às suas atividades enquanto navega por eles. Além disso, o iOS terá uma seção dedicada onde será possível visualizar a qualquer momento quais dados específicos do consumidor cada app ou serviço está consumindo.

No papel, o recurso é uma novidade muito bem-vinda para os usuários, mas algumas empresas não estão felizes com ele, como é o caso do Facebook. De acordo com um relatório do site The Information nesta quinta-feira (28), a rede social de Mark Zuckerberg planeja processar a Apple alegando comportamento anticompetitivo em relação a essas novas políticas de privacidade do iOS 14.

Isso porque, segundo o próprio Facebook, o App Tracking Transparency se mostra mais vantajoso para a Apple porque ela supostamente não precisaria suas próprias regras, já que seus aplicativos não compartilham dados para fins publicitários.

Fonte: Apple; MacRumors

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.