Publicidade

OpenAI lança GPT-4 Turbo com dados atualizados até abril de 2023

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 07 de Novembro de 2023 às 11h05

Link copiado!

OpenAI
OpenAI

Criadora do ChatGPT, a OpenAI anunciou a chegada do novo modelo GPT-4 Turbo nesta segunda-feira (6), durante a primeira conferência da empresa para desenvolvedores. A novidade tem várias melhorias em relação à versão anterior, com destaque ao treinamento da IA: a versão Turbo é atualizada com dados mais recentes, até abril de 2023, enquanto o GPT-4 só inclui dados até setembro de 2021.

O limite de data era um dos principais impasses da tecnologia, já que não era possível usar o ChatGPT (e outros serviços com a mesma tecnologia) para acessar alguns dados recentes, como o resultado da Copa do Mundo de 2022 ou a guerra entre Rússia e Ucrânia. A empresa liberou a pesquisa na internet em tempo real para o chatbot de IA, mas ainda não apresentava uma alternativa com relação aos dados usados para treinar o modelo de linguagem.

Mais poderoso e mais barato

Continua após a publicidade

As novidades não param por aí: a versão turbinada do GPT-4 ainda é capaz de compreender prompts cada vez mais extensos. Enquanto a versão padrão do GPT-4 tem uma janela de contexto de 8 mil tokens (total de caracteres), o GPT-4 Turbo aumenta esse limite para 128 mil tokens — segundo a OpenAI, é um limite "equivalente a inserir 300 páginas de texto num único comando".

Prompts maiores permitem que a IA interprete mais detalhes do comando e, consequentemente, crie respostas mais elaboradas. O novo modelo também consegue integrar vários pedidos de uma só vez e possui um modo para produzir todas as respostas em formato JSON.

A OpenAI reforçou que reduziu os valores do GPT-4 Turbo para desenvolvedores: os tokens de entrada estão até três vezes mais baratos do que a versão anterior (de US$ 0,03 para US$ 0,01), enquanto o preço dos tokens de saída diminuiu pela metade (de US$ 0,06 para US$ 0,03).

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Suporte a imagens

O novo modelo também pode interpretar imagens na API da OpenAI: a opção gpt-4-vision permite que a inteligência artificial reconheça fotos e compreenda grandes arquivos de documentos com imagens. Um dos exemplos mencionados da função foi o do aplicativo BeMyEyes, que usa a tecnologia para identificar rótulos de produtos e auxiliar deficientes visuais.

Por enquanto, só em prévia

O GPT-4 Turbo apresenta novidades muito bem-vindas para a tecnologia da OpenAI, mas seu acesso ainda é restrito: a empresa liberou apenas uma prévia do serviço na API, voltada para desenvolvedores, e deve lançar uma versão final nos próximos meses.

Continua após a publicidade

Vale a pena ressaltar que o modelo não é usado no ChatGPT: o bot de IA até permite o acesso da versão padrão do GPT-4 para assinantes do plano Plus, mas ainda usa o GPT-3.5 para abastecer a versão gratuita da ferramenta.

No mesmo evento, a OpenAI anunciou a criação dos GPTs, que deixa os usuários criarem a própria versão do chat, adaptada para diferentes demandas.