Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Edifício todo feito em impressão 3D fica pronto em tempo recorde

Por| Editado por Luciana Zaramela | 06 de Março de 2024 às 17h23

Link copiado!

Divulgação/COBOD/Peri 3D Construction
Divulgação/COBOD/Peri 3D Construction

O maior edifício impresso em 3D da Europa acaba de ser inaugurado na cidade de Heidelberg, na Alemanha. Trata-se do The Wave House Data Center, que ao todo possui 600 m². Todo o processo de impressão levou apenas 140 horas para ser concluído.

O projeto foi feito pelos arquitetos SSV e Mense Korte através da incorporação de paredes desenhadas em ondas. Para o desenvolvimento do edifício, a empresa Peri 3D Construction usou a impressora BOD2 da COBOD International. Veja a construção:

Continua após a publicidade

No comunicado oficial sobre o projeto, a empresa conta que conferir às paredes esse desenho ondulado, característica de design que também deu nome ao edifício, foi considerado como um verdadeiro desafio.

"Tais paredes projetadas com ondas não poderiam ter sido realizadas usando métodos de construção convencionais, então, em vez disso, foi usada a tecnologia de impressão de construção 3D devido à liberdade de design deste método de construção", anuncia a empresa. 

Levando em consideração que o edifício foi impresso em 140 horas, isso equivale a uma taxa de eficiência de 4 m² por hora. Além dos 600 m², a empresa também divulgou que o prédio conta com dimensões de 54 m de comprimento, 11 m de largura e 9 m de altura.

Impressão 3D e design diferenciado

Continua após a publicidade

A empresa também defende que a escolha do desgin ocorre porque "devido à típica ausência de janelas e grandes aberturas em todas ou nas áreas principais dos data centers, por motivos de segurança e outros, os data centers tendem a parecer bastante monótonos e pouco inspiradores".

Os arquitetos ainda defendem que a "tendência para tornar os data centers mais próximos do público e, portanto, localizá-los em áreas suburbanas e cidades criou a necessidade de torná-los mais atraentes visualmente".

Em postagem nas redes sociais, a empresa diz que a arquitetura do edifício mostra as possibilidades de design livre que podem ser alcançadas com o processo de impressão 3D:

Continua após a publicidade

Arquitetura do futuro

A impressão 3D tem sido cada vez mais utilizada na arquitetura, e oferece uma série de vantagens e oportunidades inovadoras para os arquitetos e designers.

"A impressão 3D em edifícios abre um novo leque de possibilidades para uma arquitetura paramétrica de forma mais acessível. Onde os custos de construções desse porte podem chegar a milhões de dólares e um tempo relativamente alto para ser construído, a impressão 3D vem como uma solução com custo mais baixo e otimizando o tempo", opina a arquiteta e urbanista Juliana Pereira, à equipe do Canaltech.

De acordo com a especialista, as construções feitas com impressão 3D podem ser consideradas mais sustentáveis do que as comuns, já que não há desperdício de material: "A fibra no qual é feita a impressão é de um material durável, que acompanha a resistência sísmica, isolando também acusticamente e termicamente o edifício", conclui.

Continua após a publicidade

Fonte: COBOD