Samsung apresenta o processador Exynos 9825, que deverá embalar o Note 10

Por Felipe Demartini | 07 de Agosto de 2019 às 13h45
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Galaxy Note 10

Ficha técnica

Apenas horas antes de revelar ao mundo o Galaxy Note 10, a Samsung apresentou um dos elementos principais que estarão no interior do aparelho: o processador Exynos 9825. Trata-se do primeiro modelo da empresa com arquitetura de sete nanômetros, um componente que deve estar no interior da maioria das versões internacionais do phablet, que será anunciado nesta quarta-feira (07).

O principal efeito dessa redução de tamanho, claro, é a eficiência. No anúncio, a Samsung enalteceu a performance gráfica do Exynos 9825, que acompanha uma GPU Mali-G76 MP12 para entregar os melhores visuais possíveis para os jogos mobile, juntamente com telas de carregamento ágeis para que os gamers não precisem esperar muito.

A mudança de processo também vale para a utilização geral, com o processador de oito núcleos, sendo dois de quarta geração, dois núcleos Cortex-A75 e outros quatro Cortex-A55, garantindo eficiência e baixo consumo de energia. A Samsung não fala em números e porcentagens na comparação com a geração anterior do Exynos, mas promete maior poder de processamento, principalmente, no processamento de imagens, consumo de mídia por streaming e processos paralelos.

Jogos e aplicações de vídeo ou imagem são os focos das melhorias do Exynos 9825, que deve estar dentro do Galaxy Note 10 (Imagem: Divulgação/Samsung)

Ainda falando sobre vídeo, o Exynos 9825 tem suporte a resoluções de até 8K, nos aparelhos compatíveis, e é capaz de processar HDR10+ em telas de até 4K. Para os fotógrafos, o apoio é total às câmeras múltiplas e seus diferentes métodos de processamento de imagem, foco, saturação, exposição e cores, além de diferentes tipos de lentes. A compatibilidade é com sensores de até 22 megapixels, ou 16 megapixels no caso de componentes combinados.

Por outro lado, o processador não chega com suporte à tecnologia 5G de forma padronizada, mas pode funcionar quando pareado ao modem Exynos 5100, que também será oferecido pela Samsung nos aparelhos compatíveis com a nova rede. O céu parece ser o limite, com velocidades de download de até 2 Gbps e sistemas que previnem a queda na conexão e são capazes de lidar com perda de sinal e interferências.

Como dito, o Galaxy Note 10 deve ser o primeiro aparelho a contar com o processador da própria Samsung. Com exceção de alguns territórios, como os Estados Unidos, onde a empresa usa chips da Qualcomm, o modelo global do phablet já deve chegar ao mundo com a nova tecnologia, que também será fornecida a parceiros e deverá aparecer em outros modelos da própria marca coreana.

Fonte: Samsung

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Galaxy Note 10

  • Lojas Colombo
    Smartphone Samsung Galaxy Note10, 3G, 256GB Dual Chip, Preto - SM - N970F
    R$ 4.599,00 em 12x R$408,25 sem juros
  • Lojas Colombo
    Smartphone Samsung Galaxy Note10, 3G, 256GB, Dual Chip, Prata - SM - N970F
    R$ 4.599,00 em 12x R$408,25 sem juros
  • Amazon
    Celular Samsung Galaxy Note 10 256gb ( Preto )
    R$ 4.699,89 em 10x R$469,98 sem juros