Publicidade

Qualcomm lança processador para fones wireless com mais potência e recursos

Por| 17 de Dezembro de 2020 às 17h40

Link copiado!

Divulgação/Qualcomm
Divulgação/Qualcomm
Tudo sobre Qualcomm

Com os smartphones sendo lançados sem as saudosas entradas para fones de ouvido, o mercado viu uma oportunidade de se investir cada vez mais em modelos sem fio. Para tal, as preocupações normais como alcance, qualidade do som e funções precisam de um suporte, o que ficou evidenciado com a chegada dos processadores específicos para esses periféricos. Uma das empresas que se destacam, claro, é a Qualcomm, que acaba de ampliar sua linha de chips com o lançamento do QCC305x.

Diferente de outros modelos da fabricante, o QCC305x é um processador com quatro núcleos, o que o coloca em outro patamar de desempenho. Entre as promessas feitas pela Qualcomm para esse componente, estão: melhoria considerável na duração da bateria; melhor processamento da função para cancelamento de ruídos externos; e, claro, a capacidade de trabalhar em conjunto com assistentes virtuais como a Alexa e o Google Assistente.

Além disso, o novo processador agora suporta a tecnologia aptX Adaptive, de propriedade da Qualcomm. Esse recurso traz uma resolução de áudio de até 96 kHz e o aptX Voice para cancelamento de eco de três microfones e supressão de ruído para chamadas enquanto você está em movimento. Tudo isso, segundo a empresa, sem comprometer a bateria.

Continua após a publicidade

De acordo com a Qualcomm, o novo chipset também foi projetado para suportar o próximo padrão de áudio Bluetooth, o LE, que ainda será lançado oficialmente, mas que já promete uma série de novas melhorias, como a tecnologia multi-stream, que vai permitir que mais de um fone de ouvido sem fio seja pareável para transmissões, o suporte para compartilhamento pessoal de áudio, para que você possa compartilhar sua música de seu smartphone com pessoas próximas e, por fim, o compartilhamento baseado em localização, para a conexão de áudio em locais públicos, como aeroportos e academias, que geralmente possuem programação própria.

Não há previsão para quando fones de ouvido sem fio comecem a aparecer com esse novo processador, mas, ao que tudo indica, deve ser no começo de 2021.

Fonte: TechCrunch