Publicidade

Por que a GeForce RTX 4060 Ti 16 GB está envolta em polêmica?

Por| Editado por Jones Oliveira | 20 de Julho de 2023 às 20h30

Link copiado!

Divulgação: NVIDIA/ Adaptado: Felipe Vidal/Canaltech
Divulgação: NVIDIA/ Adaptado: Felipe Vidal/Canaltech
Tudo sobre Nvidia

Há alguns meses a Nvidia anunciou a chegada das GeForce RTX 4060 e RTX 4060 Ti. Esse último modelo teria versões de 8 e 16 GB, com a variante de mais memória lançando em um momento posterior em relação as outras. Na verdade, o lançamento foi realizado nesta terça-feira (18) e praticamente ninguém ficou sabendo disso.

O motivo é que nem a NVIDIA, nem outras empresas parceiras na produção de GPUs enviaram unidades de testes para a imprensa. Até mesmo nas redes sociais oficiais da companhia não há nenhuma menção ao produto de 16 GB, somente à versão “normal” de 8 GB. O próprio site da linha GeForce não tem materiais de divulgação específicos — nem um simples banner.

Não é a primeira vez...

Continua após a publicidade

Essa não é a primeira vez que a NVIDIA faz um movimento estranho como esse. Ao lançar uma versão da RTX 3080 com 12 GB e uma RTX 3060 de 8 GB em 2022, a gigante verde não enviou unidades para análise e se manteve quieta acerca desses lançamentos.

Rumores de que isso aconteceria novamente começaram nos últimos dias. O canal Hardware Unboxed revelou que não haveria um “programa de review” para essa placa, já que uma versão de referência Founder’s Edition não foi desenvolvida e nenhuma fabricante parceira estava animada para enviar seus modelos para a imprensa.

Dito e feito, a situação realmente se confirmou. Não somente o Hardware Unboxed, mas como também outros sites e criadores de conteúdo tiveram que comprar seus próprios modelos para trabalhar e dar um parecer sobre o produto.

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Sem análise, sem crítica

A “estratégia” por parte da NVIDIA coloca novamente em xeque a lisura da marca diante dos consumidores. Todo lançamento de qualquer empresa passa por um processo de divulgação, e no caso do mundo do hardware — principalmente CPUs e GPUs — a mídia especializada é a principal intermediária entre a companhia e o comprador.

Para divulgar a série RTX 4000, a empresa enviou inúmeras unidades para centenas de canais e sites ao redor do mundo com antecedência. O objetivo é que haja conteúdo informativo de qualidade para que as pessoas possam compreender se aquele produto vale ou não o investimento.

Continua após a publicidade

Ao negligenciar essa etapa de divulgação, a NVIDIA basicamente cria um atestado de que não liga para a RTX 4060 Ti de 16 GB. Por qual motivo uma empresa gastaria dinheiro desenvolvendo um produto caro e complexo, e sequer faria uma divulgação apropriada a respeito do mesmo?

Mesmas configurações, memórias diferentes

Tudo fica pior quando as fichas técnicas da RTX 4060 Ti padrão e da RTX 4060 Ti 16 GB são colocadas lado a lado: é praticamente idêntico. De maneira literal, as duas placas têm as mesmas especificações e o único item que muda é a quantidade de memória VRAM entre ambas — e 5W de TGP.

Ficha técnica das RTX 4060 Ti
Versão8 GB16 GB
Núcleos RT51 TFLOPs51 TFLOPs
Núcleos Tensores353353
DLSS3ª Geração3ª Geração
NV EncoderAV1AV1
VRAM8 GB GDDR616 GB GDDR6
Interface de memória128-bit128-bit
TGP (Total Graphics Card Power)160W165W
Fonte recomendada550W550W
Núcleos CUDA43524352
Frequência base2,31 Ghz2,32 Ghz
Frequência em turbo2,54 Ghz2,54 Ghz
Continua após a publicidade

Isso induz um pensamento errado no consumidor. É normal acreditar que quanto mais memória um produto tem, mais desempenho ele vai ter. Se uma GPU tem 8 GB, logo o modelo variante de 16 GB vai ter o dobro de performance, pois a memória foi duplicada. Infelizmente, isso é uma concepção errada.

Placas de vídeo não escalam o desempenho somente com a quantidade de VRAM. Claro, essa especificação é muito importante, mas jamais deve ser entendida como o único fator na hora de se comprar uma GPU. Por exemplo, uma RTX 3090 tem 24 GB e perde ou empata em desempenho contra uma RTX 4070 Ti de 12 GB.

A interface de 128-bit

É válido ressaltar que esses dois modelos possuem uma interface de memória de 128-bit. Em certas situações, essa característica poderia até limitar o desempenho da placa de 16 GB. Os bits funcionam aqui como um tipo de “via condutora” de informações entre a VRAM e a unidade de processamento. Em uma explicação simplificada, isso é o mesmo que tentar passar vários carros por uma única estrada ao invés de dividir o número de veículos em várias outras estradas para que eles cheguem mais rápido ao destino.

Continua após a publicidade

No lançamento da geração passada, a RTX 3060 Ti foi lançada com apenas 8 GB e interface de memória de 256-bit. Esse tipo de barramento, segundo a empresa, suporta 8 GB ou 16 GB. Dessa forma, parece não haver explicações palpáveis para manter os 128-bit nas duas versões.

Futuro incerto da RTX 4060 Ti 16 GB

Ainda não se sabe quão diferentes as RTX 4060 Ti de 8 GB e 16 GB serão em termos de desempenho, e o motivo — você já deve imaginar — é porque ninguém recebeu a placa para realizar os comparativos. É provável que a diferença entre ambas seja pequena — ou o modelo de 16 GB seja até pior, como já apontaram testes feitos pela MSI.

Continua após a publicidade

O agravamento fica por conta do preço. Sem ter ideia de como é a performance dos dois produtos lado a lado, a RTX 4060 Ti 8 GB tem preço inicial de R$ 2.999 no varejo brasileiro e preço sugerido de US$ 399 no mercado internacional. A RTX 4060 Ti de 16 GB custa US$ 499 (Cerca de R$ 2.400 em conversão direta, sem impostos) e ainda não foi encontrada para comprar no Brasil.

O Canaltech entrou em contato com a NVIDIA Brasil para buscar um posicionamento oficial, mas a empresa disse que não comentará sobre o assunto. Marcas como ASUS Brasil e a PNY também foram procuradas, e caso haja algum tipo de retorno este texto será atualizado.